Projeto que exige cadastro de clientes de fogos de artifício é aprovado na Assembleia

Lojas que comercializam fogos de artifício e explosivos vão precisar identificar os clientes por meio de cadastro e enviar informações às Polícias Civil e Militar. O Projeto de Lei (PL) 344/2020 que trata do assunto foi aprovado pela Assembleia Legislativa (Ales) durante a sessão ordinária virtual desta terça-feira, 23, e segue para a análise do Executivo. Se sancionada pelo governo, a nova lei passa a valer a partir da data da publicação.

Durante a sessão desta terça, o PL de autoria do deputado Enivaldo dos Anjos (PSD) foi aprovado na Comissão de Justiça e depois por todo o plenário, sem nenhum voto contrário. A proposta já havia sido analisada pelas Comissões de Justiça, Defesa do Consumidor e Finanças.

De acordo com o texto, o cadastro deverá conter números do CPF, carteira de identidade e endereço do cliente, com respectivo comprovante. Os dados devem ser enviados às polícias imediatamente após a venda. A matéria prevê multa de R$ 3.500,00 para os estabelecimentos que descumprirem a legislação.

Após a votação, Enivaldo destacou que a medida é uma demanda das autoridades policiais do Estado. “Eu gostaria de transferir o mérito desse projeto para toda a Assembleia Legislativa. O projeto foi aprovado de forma unânime e atende a uma demanda da área. As autoridades de segurança registraram a dificuldade de êxito nem ações policiais justamente pela comunicação entre bandidos por meio de fogos de artifícios. Nós aguardamos a sanção do governador”.

Enivaldo defende que PGE retire notícia-crime contra deputados que invadiram o Dório Silva

Enivaldo dos Anjos diz que projeto é uma demanda das autoridades de segurança pública (Foto: Webales)

Leia mais

Experiência virtual leva brasileiros a conhecer museus pela internet

Museu Casa Histórica de Alcântara disponibiliza acervo e exposições online – Foto: ...

Marcas capixabas de moda praia ganham espaço no mercado internacional

Empresas capixabas, especialmente do segmento de moda praia, inscritas no Programa de Qualificação para Exportação (PEIEX),...

Barra de São Francisco confirma 4º caso de Coronavírus

O município de Barra de São Francisco confirmou nesta terça-feira, 5 de maio de 2020, mais um caso de Coronavírus. Esse é o 4º...

Secretaria de Saúde apresenta balanço dos 100 dias de enfrentamento ao Coronavírus no Espírito Santo

Durante entrevista coletiva na manhã desse sábado (13),...

Leia também

“Morra quem morrer”: prefeito causa polêmica ao anunciar reabertura do comércio; veja o vídeo

O prefeito de Itabuna, município localizado no sul do estado da Bahia, causou polêmica ao confirmar a data de reabertura do comércio da cidade para...

Só no Norte do ES, Polícia e MP identificam 4 mil pessoas que receberam diploma falso

O Ministério Público (MPES) e a Polícia Civil do Espírito Santo estão investigando quadrilhas especializadas na emissão de diplomas falsos no estado. Apenas na região...

Polícia Civil e Ministério Público investigam quadrilhas especializadas em emissão de diplomas falsos no Espírito Santo

O Ministério Público (MPES) e a Polícia Civil do Espírito Santo estão investigando quadrilhas especializadas na emissão de diplomas falsos no estado. Indícios apontam que...