Projeto de Zé Maria propõe criação da rota do ciclismo em Anchieta

Mais lazer, segurança, saúde, cuidado com o meio ambiente, qualidade de vida para os anchietenses e desenvolvimento do turismo. Estes são os objetivos do Projeto de Lei n° 44/2020, que institui a Rota do Ciclismo de Belo Horizonte no município de Anchieta. A propositura é de autoria do atuante vereador José Maria Simões Brandão (Progressista) e foi apresentado na última sessão ordinária da câmara municipal.

De acordo com o projeto a rota terá início na sede do município, passando pela UTG, trevo da Comunidade de Recanto do Sol, entrando na Rodovia Gilberto Domingues, passando pela PV4 da Samarco Mineração, se direcionando para a comunidade de Belo Horizonte, saindo na Rodovia do Sol, passando pelas Comunidades de Mãe-Bá, Ubu e Recanto do Sol, entrando novamente na estrada da UTG com término na sede do Município.

Zé Maria destacou que o projeto de lei tem o intuito de divulgar uma belíssima região do município, através do turismo esportivo. A região que também contempla a comunidade de Belo Horizonte, onde o vereador nasceu e reside, já é conhecida de muitos moradores de Anchieta que praticam o pedal, assim como a rota proposta pelo vereador, depois de algumas conversas com grupos de ciclistas do município.

Para Sidney Lima da Silva, morador da comunidade de Recanto do Sol e participante ativo do grupo de ciclista pé de velas, esse é um projeto de extrema importância para os praticantes do ciclismo e outros esportes de aventura, pois vai organizar e trazer segurança não só para o morador de Anchieta, mas para todos que gostam do esporte ao ar livre.

Além disso, é uma grande oportunidade de divulgar várias regiões de Anchieta através do esporte. “Nosso município é lindo, temos muito para mostrar, mas precisamos nos organizar e esse projeto será fundamental, por isso esperamos que ele seja aprovado e executado o quanto antes”, ressaltou Sidney.

“O maior objetivo do projeto é organizar, divulgar e estruturar o que a natureza já nos oferece gratuitamente, tudo isso priorizando a segurança, divulgando uma região do município que é pouco explorada e desenvolvendo, de forma sustentável o turismo na região. Além disso, também são objetivos do projeto, impulsionar a educação ambiental e incentivar a organização das comunidades locais para o desenvolvimento de novas fontes de emprego e renda”, concluiu o parlamentar.

Texto: Tatiana Vettoraci de Medeiros

Leia mais

Parques estaduais do Espírito Santo começam a funcionar na próxima semana

Maioria dos parques poderá funcionar de segunda a sexta-feira, mas somente o da Pedra Azul tem autorização para abrir aos finais de semana.

Homem é preso por abusar de duas crianças em Linhares

Um homem de 36 anos foi preso nesta sexta-feira (16) suspeito de abusar sexualmente de duas crianças de 10 e 11 anos de idade...

Barra de São Francisco disponibiliza unidade referência para atendimento de casos suspeitos de Coronavírus

UNIDADE INICIOU AS ATIVIDADES NESTA TERÇA (5) A Prefeitura de Barra de São Francisco, através da Secretaria Municipal de Saúde, disponibiliza a partir de hoje...

Leia também

Espírito Santo chega a 3.740 mortes e 134.874 curados em 146.233 casos confirmados de Covid-19

O Espírito Santo registrou, até esta terça-feira (20), 3.740 mortes por Covid-19. O número de casos confirmados chegou a 146.233. O índice de letalidade...

Dia 31 é feriado no comércio de Nova Venécia

Sábado da semana que vem, dia 31 de outubro, é feriado no comércio de Nova Venécia em comemoração ao Dia do Evangélico. Todos os estabelecimentos comerciais...

Inmet prevê chuva em todo o país nos próximos 15 dias

A semana deverá ter chuvas em praticamente todo o país, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). Entre os dias 19 e 26 de, na...

Seis municípios recebem R$1,8 milhões de emendas parlamentares para saúde

O Ministério da Saúde definiu os critérios de rateio dos recursos provenientes de emendas parlamentares para seis municípios do país.  Gandu, Guanambi e Jaguaquara no...