Projeto de filtro sanitizante para vaso sanitário, de Birigui-SP, vence desafio de robótica voltado para prevenção ao coronavírus

Com o projeto de um filtro sanitizante para vaso sanitário, alunos da unidade do SESI de Birigui, em São Paulo, venceram o Torneio SESI de Robótica – Desafio Covid-19. Os jovens da equipe Big Bang, com idade entre 13 e 16 anos, desenvolveram o FREETOILET, produto capaz de eliminar 99,99% do vírus causador da Covid-19 presentes em fezes e urina de pessoas contaminadas. 

De acordo com a pesquisa feita pelos estudantes, a descarga pode espalhar as partículas do agente patogênico no ar, ficando suspensas no ambiente por até duas horas ou se alojando em superfícies. O FREETOILET é inserido dentro do vaso, próximo às saídas de água e, quando a descarga é acionada, a água passa pelo filtro, liberando as substâncias que atuam contra o vírus.

O técnico da equipe SESI Big Bang, Valter Moreno Carvalhal Júnior, explica que o coronavírus se espalha pelo ambiente do banheiro mesmo que a tampa do vaso não esteja aberta.  “Mesmo que fecha a tampa do vaso, ainda assim não resolve o problema. Era necessário um produto que eliminasse a Covid-19 antes que pessoa desse a descarga. O FREETOILET elimina o vírus em 99,99% em menos de um minuto. Foram realizados diversos testes na UNICAMP e isso ficou comprovado através de um laudo víruscida”, diz. 

O grupo de alunos também teve preocupação em tornar o filtro sanitizante sustentável. Para fazer o produto, foi usado o plástico verde, feito com bagaço da cana-de-açúcar. O protótipo foi confeccionado com a ajuda de uma impressora 3D do laboratório de fabricação digital (Fab Lab Escola SESI-SP) e os estudantes conseguiram implementá-lo em uma clínica odontológica. 

Uma das integrantes da equipe Big Bang, Bianca Gajardoni, estudante do 1º ano do ensino médio, destaca que a participação no torneio de forma remota foi uma experiência nova para todos os envolvidos. “A competição aconteceu totalmente de forma virtual. Foi uma experiência tanto para os estudantes, quanto para os juízes, para a organização, porque estamos enfrentando esse momento de pandemia. Mas o mais interessante é que isso não foi impedimento para incentivar os participantes da competição”, pontua. 

O torneio

O Torneio SESI de Robótica – Desafio Covid-19 teve quase dois mil estudantes inscritos de escolas públicas e particulares de todo o país. Ao todo, foram pouco menos de 400 equipes disputando as primeiras colocações. A competição tinha o objetivo de estimular o desenvolvimento de projetos de diagnóstico, prevenção ou combate ao coronavírus.

Sete equipes foram premiadas: primeiro, segundo e terceiro lugares no geral, e ainda prêmios para o Melhor Projeto de Pesquisa; Melhor Projeto em Criatividade e Inovação; Melhor Proposta de Empreendedorismo e, também, de Impacto Social.

Todas as sete vencedoras receberam medalhas individuais por competidor e um troféu por equipe, da respectiva categoria conquistada. Além disso, as três primeiras colocadas foram convidadas a expor seus projetos em um stand exclusivo, durante o próximo Festival SESI de Robótica, previsto para ocorrer em maio de 2021.

Foto: Equipe SESI Big Bang

Leia mais

Coronavírus: Idoso é o 8º caso em Nova Venécia; teste foi feito em Barra de São Francisco

O município de Nova Venécia registrou o oitavo caso de coronavírus. A informação está confirmada no site Painel COVID-19, da Secretaria de Estado da...

Dietas com restrição podem contar com produtos da agricultura familiar

Os alimentos cultivados pelas famílias rurais do Espírito Santo são ingredientes versáteis, que podem ser utilizados...

PGE-ES e AGE-MG conseguem mais recursos para combate ao Coronavírus

A Procuradoria-Geral do Estado (PGE) e a Advocacia-Geral do Estado de Minas Gerais (AGE-MG) conseguiram, nesta...

Leia também

MP em discussão no Congresso Nacional pode aumentar volume de crédito oferecido a empresários paranaenses

A obtenção de crédito por empreendedores brasileiros tem se tornado um entrave durante a crise financeira ocasionada pela pandemia. No Paraná, segundo pesquisa do...

Leilão do saneamento básico em Alagoas deve aumentar percentual da população que recebe atendimento de coleta de esgoto

O serviço de saneamento básico deve ter um novo cenário na região metropolitana de Maceió nos próximos anos. Atualmente, segundo dados do Sistema Nacional...

AMAPÁ: SESI e SENAI iniciam projeto para adequação à Lei Geral de Proteção de Dados

Em vigor desde setembro de 2020, a chamada Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) pretende garantir mais privacidade, segurança e transparência no uso...

Saneamento básico: gestão comunitária da água é a esperança para 17 milhões de moradores da área rural

Segundo o estudo do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), nos próximos anos, 17 milhões de pessoas que moram em áreas rurais terão saneamento...