Programa AlimentarES promove live sobre o poder dos alimentos por meio do preparo saudável

As propriedades dos alimentos por meio de um preparo saudável foi tema da live coordenada pelo Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) e promovida pelo Programa AlimentarES, na última quinta-feira (13). O conteúdo da live foi baseado em dados científicos a respeito do consumo e do valor nutricional e antinutricional dos alimentos. Os compostos bioativos presentes em alimentos de origem vegetal como frutas, hortaliças, sementes, chás e ervas também foram assunto na live. O vídeo completo está disponível no canal do Instituto, no Youtube.

A live também abordou o modo de preparo apropriado para potencializar os benefícios dos nutrientes e preservar os seus efeitos diretos a fim de reduzir doenças crônicas tais como diabetes, câncer, doenças cardiovasculares, obesidade, entre outras.  Além disso, também foram tratados os projetos e ações do Incaper com produtos da sociobiodiversidade da Mata Atlântica.

As apresentações foram feitas pela bióloga do Incaper e mestre em Biologia Vegetal, Fabiana Gomes Ruas; pela nutricionista e professora do Centro Universitário Salesiano (Unisales), Kelly Ribeiro Amichi; e pela economista doméstico, especialista em plantas medicinais e extensionista aposentada do Incaper, Rita Zanúncio.

A coordenadora do AlimentarES e extensionista do Incaper, Jaqueline Sanz, explicou que o programa está diretamente relacionado ao enfrentamento dos impactos da crise provocada pela pandemia do novo Coronavírus (Covid-19) e, portanto, trata-se de um instrumento propulsor de ações e práticas saudáveis para a população.

A coordenadora do curso de nutrição da Unisales, Alessandra Garcia, destacou a parceria do Incaper com a Universidade como  uma “união de vários saberes que incluem conhecimento e práticas acadêmicas com as experiências e ações que o Instituto desenvolve no campo”.

“Trata-se de um tema que é pertinente para o momento que estamos vivendo, com ações que ajudam pessoas que tanto precisam no que se refere à alimentação saudável e cuidados com a saúde”, completou Alessandra Garcia.

Educação alimentar e fortalecimento da agricultura familiar

Segundo Jaqueline Sanz, o programa atua em duas linhas de frente, sendo a primeira na área de Educação Alimentar e Nutricional (EAN) da população capixaba, por meio de uma campanha que tem o objetivo de agregar diversas ações de incentivo à alimentação saudável. Já a segunda atuação é para o fortalecimento da agricultura familiar, segmento responsável pela maior parte de alimentos saudáveis que chegam à mesa dos capixabas.

“A nossa expectativa é que a gente consiga despertar as pessoas para a importância de práticas alimentares que têm influência positiva direta na saúde da população, além de mostrar a relevância da agricultura familiar como fornecedora desses alimentos saudáveis que irão chegar até as famílias que estão em situação de vulnerabilidade, sobretudo em consequência da pandemia”, disse Jaqueline Sanz.

A extensionista do Incaper e coordenadora da campanha de educação alimentar e nutricional do AlimentarES, Vera Lúcia Santos, destacou que o plano de ações será executado até dezembro deste ano com pesquisas participativas em comunidades tradicionais por meio de vídeos educativos, cartilhas, panfletos, webcards para redes sociais, livros de receitas, podcasts, palestras, cursos, oficinas online e lives.

“A meta é fortalecer as parcerias e dar continuidade a todas as nossas atividades para que o objetivo do programa alcance ainda mais os agricultores familiares capixabas e a sociedade civil em geral”, destacou Vera Lúcia Santos.

Sobre o AlimentarES

O Programa AlimentarES tem por objetivo disponibilizar alimentos saudáveis na mesa de quem precisa e, ao mesmo tempo, gerar renda para os agricultores de base familiar do Espírito Santo. Uma das metas do Programa é distribuir, até o fim do ano, 5.500 cestas verdes com alimentos saudáveis produzidos por agricultores familiares capixabas. As cestas verdes são complementares aos donativos distribuídos pelo Programa ES Solidário, contribuindo para a melhoria da qualidade nutricional das cestas já ofertadas.

Estruturada de forma intersetorial, a atuação do AlimentarES vai beneficiar as famílias contempladas com as cestas de alimentos e também os agricultores que atuarão como fornecedores. Além disso, o projeto visa a conscientizar os capixabas sobre a importância do consumo de alimentos saudáveis, evidenciando os valores nutricionais dos alimentos e seus benefícios à saúde.

O Programa AlimentarES envolve a articulação de diversas secretarias e órgãos do Governo do Estado, por meio da atuação direta da Vice-Governadoria, das Secretarias de Direitos Humanos (SEDH), da Saúde (Sesa), da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag) e de Economia  e Planejamento (SEP); da Superintendência Estadual de Comunicação Social (Secom); do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper); das Centrais de Abastecimento do Espírito Santo (Ceasa); do Corpo de Bombeiros Militar; e da Agência de Desenvolvimento das Micro e Pequenas Empresas e do Empreendedorismo (Aderes); além da parceria do Centro Universitário Salesiano (Unisales), do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar).

Texto: Tatiana Toniato

Leia mais

Infraestrutura fecha acordo para transporte de 53 toneladas de máscaras da China

Foto: reprodução/ Aviação do Brasil Um parceria entre o Ministério da Infraestrutura e as Lojas Americanas vai viabilizar a...

Vacinação contra gripe para caminhoneiros, motoristas e portuários começa nesta quinta-feira (16)

Segunda fase da Campanha de Vacinação contra a Gripe inclui caminhoneiros, motoristas de transporte coletivo e portuários. ...

Explosão em pedreira da Guidoni mata uma pessoa e deixa duas feridas em Barra de São Francisco

O corpo de Bombeiros de Barra de São Francisco socorreu três pessoas na tarde desta segunda-feira, 13 de julho de 2020, após uma explosão...

Richarlison é o único brasileiro na seleção sub-23 dos mais caros do mundo

A seleção brasileira é a atual campeã olímpica...

Leia também

INDICADORES: Boi gordo registra redução no preço nesta segunda-feira (21)

A cotação da arroba do boi gordo começou a segunda-feira (21) com queda de 1% e o produto é negociado a R$ 248 em...

INDICADORES: Café arábica começa a semana com queda no preço

A saca de 60 quilos do café arábica começou a segunda-feira (21) com queda de 1,69% no preço e é vendida a R$ 544,82...

Buscando formação mais digital e inovadora de jovens, SENAI e Ministério da Economia lançam programa Aprendizagem 4.0

Com o mercado de trabalho em constante transformação digital, a capacitação de trabalhadores que atendam às exigências da indústria se torna cada vez mais...

Governo cria grupo de trabalho para gerir distribuição de vacina contra a Covid-19

Com o avanço das pesquisas para o desenvolvimento de uma vacina contra o novo coronavírus, o governo brasileiro começa a preparar sua infraestrutura para...