Professora de Arte ensina alunos a criarem instrumento musical

O EscoLAR, programa de atividades não presenciais criado pela Secretaria da Educação (Sedu) diante da necessidade de distanciamento social por causa da pandemia do novo Coronavírus (Covid–19), tem gerado bons resultados entre professores e alunos. Os conteúdos, que são transmitidos pela televisão são reforçados com a plataforma Google Sala de Aula.

Após ser transmitido o conteúdo “Introdução à Música”, para os alunos do 9º ano do Ensino Fundamental, a professora de Arte, Nuana Câmara Soares, do Centro Estadual de Ensino Fundamental e Médio em Tempo Integral (CEEFMTI) Whashington Pinheiro Meireles, em Itapemirim, desenvolveu uma estratégia para ampliar os conhecimentos dos estudantes através de uma atividade que complementasse a matéria exibida pela TV.

“Na escola, eu costumo trabalhar com projetos que envolvam teoria e prática. Quando me vi dando aula na sala virtual, sabendo que muitos dos meus alunos gostam dos projetos propostos, eu pensei em uma atividade prática, ampliando o conhecimento do conteúdo da TV, que foi ‘Introdução à Música’: como surgiu, a importância da música, os conceitos, etc.”, explicou Nuana Câmara Soares.

Por meio do Google Sala de Aula, a professora propôs o projeto prático “Arte e Música: estude e brinque criando o seu próprio instrumento”. Ela postou um vídeo que ensina como criar um xilofone com garrafa.

“Dentro da disciplina de Arte, muitos alunos se identificam com a música, uns gostam de cantar, outros sabem tocar instrumentos musicais, por isso sugeri que criassem o seu próprio instrumento, um xilofone com garrafa. Após fazerem o desafio, pedi que tocarem uma música, filmassem e postassem nas redes sociais. Depois de estudar é só aproveitar a brincadeira”, disse.

A professora ressaltou ainda que para atender os estudantes que não têm acesso à internet, ela prepara um roteiro quinzenal, que é deixado na escola, para que os pais possam buscar e levar para os filhos. “Dessa forma, ninguém fica de fora das atividades da sala de aula virtual”, afirmou a professora.

Google Sala de Aula

A Secretaria da Educação (Sedu), em parceria com o Instituto de Tecnologia da Informação e Comunicação do Estado do Espírito Santo (Prodest), criou o aplicativo EscoLAR para acesso ao Google Sala de Aula. A ferramenta garante a comunicação on-line entre professores e estudantes, por meio do celular, sem uso do pacote de dados, a qualquer tempo e local.

EscoLAR

O Programa EscoLAR visa a atender aos 240 mil alunos da Rede Estadual nesse período, e consiste na transmissão dos conteúdos através da TV aberta e na utilização da plataforma Google Sala de Aula, por meio do aplicativo “EscoLAR”, desenvolvido pelo Instituto de Tecnologia da Informação e Comunicação (Prodest). As transmissões são feitas pelos canais 8.2, 8.3 e 8.4, com aulas exibidas às segundas, quartas e sextas-feiras e reprise do conteúdo às terças, quintas-feiras e sábados.

Como assistir às aulas?

Canais da TV aberta: 8.2, 8.3 e 8.4 nos horários que serão estipulados, nos turnos matutino, vespertino e noturno. O cronograma de aulas com horários de exibição pode ser acessado no site: www.sedu.es.gov.br/escolar/grade-de-programação.

O que fazer se perder alguma aula?

Os horários das reprises na televisão estarão disponíveis no site (www.sedu.es.gov.br/escolar). O estudante que perder a transmissão da TV poderá acessar o conteúdo integral on-line em canal específico no Youtube: @EscoLAR. Caso o estudante tenha alguma dúvida ou não consiga acompanhar as transmissões, poderá entrar em contato com seus professores ou com profissionais da escola onde está matriculado.

Texto: Soraia Camata

 

Leia mais

Rio Grande do Sul é um dos estados mais beneficiados pelo FNDCT, fundo que teve 88% da verba redirecionada em 2020

O Rio Grande do Sul é um dos estados mais beneficiados pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Ciência e Tecnologia (FNDCT), vítima de contingenciamentos...

Deputado estaduais invadem hospital no Espírito Santo

Os deputados estaduais do Espírito Santo Lorenzo Pazolini (Republicanos), Vandinho Leite (PSDB), Torino Marques (PSL), Danilo Bahiense (PSL) e Carlos Von (Avante) invadiram o...

Governos de São Paulo e Goiás estudam aumentar repasses do ICMS a municípios com melhores níveis educacionais

A otimização dos repasses do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) a municípios com bons desempenhos na educação tem ganhado o interesse...

Leia também

Lançado programa Mineração e Desenvolvimento que vai estimular retomada do País

Palavras do Ministro de Estado de Minas e Energia, Almirante Bento Costa Lima Leite Albuquerque Junior. Foto: Carolina Antunes/PR O Governo Federal lançou, nesta segunda-feira...

Eleições 2020: A disputa nas terras do garimpo de minérios

A extração de minério pelo Brasil gera uma enorme quantia de recursos para a região de onde os diversos tipos de minerais são garimpados....

Ministério da Saúde libera recursos para 77 municípios

O Ministério da Saúde repassou R$ 21,3 milhões para 77 municípios reforçarem o enfrentamento à Covid-19 nas comunidades e favelas. Entre os objetivos do...

Conselhos de direitos dos idosos vão poder emitir declaração de funcionamento para instituições de longa permanência

Conselhos estaduais e municipais de direitos da pessoa idosa ou de assistência social vão poder emitir declaração de funcionamento das Instituições de Longa Permanência...