Primeiro financiamento via Fungetur com Fundo de Aval Bandes é liberado nessa segunda (06)

Dias após o anúncio do governador Renato Casagrande, o Fundo Geral do Turismo (Fungetur), operado pelo Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo (Bandes), já contratou seu primeiro cliente: o Barlavento – Beach Bar e Lounge. O empreendimento, inaugurado há cerca de um ano, tem proposta inovadora que visa aliar gastronomia, turismo, moda e entretenimento em um mesmo ambiente para se tornar “o por do sol mais badalado da cidade”, como resume um dos proprietários, Tito Dias.

“Simplificamos os processos e o nosso fluxo para atender a essas empresas o mais rápido possível. Tanto que já temos a primeira operação liberada menos de 15 dias após o lançamento e estamos prontos para liberar mais duas em breve. A tendência é que os recursos cheguem mais rápido aos negócios que precisam”, destaca o diretor-presidente do Bandes, Maurício Cézar Duque.

A agilidade na contratação de recursos permite que negócios voltados ao turismo, especialmente bares, lanchonetes, cafés e empresas do ramo de hospedagem, tenham acesso ao crédito com carência e prazo de pagamentos adequados, de até 60 meses, sem condicionantes, como manter folha de pagamento, por exemplo. “É uma opção para ajudar as empresas a manter o funcionamento ou até mesmo ganhem um fôlego extra neste momento, já que a atividade turística é uma das mais prejudicadas por conta do isolamento social”, afirma o diretor-presidente.

O banco capixaba é repassador da linha no Espírito Santo. A previsão do banco capixaba é que os financiamentos cheguem, neste ano, ao total de R$ 50 milhões pelo Fundo – com recursos do Ministério do Turismo – para empreendimentos do segmento, utilizando a ampliação da garantia na contratação, com o uso do Fundo de Aval Bandes.

Como chegar ao crédito
Empreendimentos capixabas regularizados no Cadastro dos Prestadores de Serviços Turísticos (Cadastur) que necessitam de contratação de recursos para manutenção de suas atividades em tempos de pandemia podem contratar recursos do Fungetur Bandes.

Para fazer a proposta de financiamento, o interessado deve acessar o site do Bandes: bandes.com.br/emergencial. As empresas precisam ter um certificado emitido pelo Ministério do Turismo, o Cadastur, que reúne 15 atividades que compõem a cadeia produtiva do turismo.

Fundo de Aval Bandes
Além da fonte de recursos com prazo e taxas atrativas, o empresário pode acionar o Fundo de Aval do Bandes para compor garantias na formalização do contrato de financiamento. A garantia do Fundo de Aval poderá cobrir financiamentos de até 15% da receita bruta do beneficiário, ou no máximo até 10% do valor de referência de enquadramento no Estatuto Nacional da Microempresa e da Empresa de Pequeno, ou seja, até R$ 480 mil.

O Fundo de Aval Bandes é um mecanismo garantidor à contratação de operações de crédito, criado pelo Governo do Estado. O Fundo, gerido pelo Bandes, presta garantia, atuando como avalista do empreendedor do setor turístico que mais precisa contar com os recursos neste momento.

Quem pode contratar?
A linha é destinada a microempreendedores individuais, microempresas e empresas de pequeno porte, cuja receita operacional bruta anual não ultrapasse o teto definido no Estatuto Nacional da Microempresa e da Empresa de Pequeno Porte, de até R$ 4,8 milhões.

Podem buscar os financiamentos empresas de hospedagem, agências de turismo, organizadoras de eventos, parques temáticos, acampamentos turísticos, centros de convenções, parques aquáticos, prestadoras de serviços de infraestrutura para eventos, restaurantes, cafeterias, bares, entre outros serviços do setor de turismo com cadastro no Ministério do Turismo (Cadastur), que atuem em todos os municípios capixabas.

Além das empresas, a ampliação do Fundo de Aval Bandes permite que guias de turismo cadastrados como Microempreendedor Individual (MEI) ou autônomos também tenham acesso aos financiamentos, por meio da linha de até R$ 5 mil com juros zero. Para tal, esses profissionais devem procurar a rede de atendimento do Banestes.

Veja como solicitar seu financiamento
O empresário tem à disposição atendimento remoto personalizado da equipe do Bandes, pelo link www.bandes.com.br/emergencial ou pelo e-mail emergencial@bandes.com.br. Para enviar a proposta de financiamento, acesse o site, baixe o roteiro e envie preenchido para emergencial@bandes.com.br. Os interessados devem preparar a documentação solicitada e enviá-la, completa, junto com a proposta (apenas uma por CNPJ) de financiamento.

Condições operacionais
– Fungetur Giro;
– Taxa de juros: 5% ao ano + INPC
– Valor máximo financiável: conforme capacidade de pagamento da empresa;
– Carência: até 12 meses;
– Prazo de pagamento: até 60 meses;
– Para se cadastrar no Cadastur, veja aqui: https://bit.ly/2N8YiLC 

Leia passo a passo para fazer o Cadastur aqui: https://setur.es.gov.br/cadastur 

Leia mais

Locutores colecionadores

Entre os destaques está a primeira moeda da República, de 500 Reis, de 1889 e de prata. O dono dela? O locutor Fernando Batista,...

Brasil desenvolve políticas para reduzir o desperdício de alimentos

Fortalecer a rede de bancos de alimentos, como as centrais de abastecimento, conhecidas como Ceasas, foi uma das soluções apresentadas pela Embrapa Foto: Agência...

Leia também

Bolsonaro convida Meneguelli para almoço em Brasília

O Prefeito Sérgio Meneguelli irá almoçar com o Presidente da República Jair Bolsonaro na quarta-feira (2) da próxima semana, ao meio dia. A primeira...

Governo do Espírito Santo autoriza volta de aulas presenciais em cidades com risco moderado para Covid-19

O Governo do Espírito Santo autorizou a retomada das aulas presenciais nas cidades que possuem risco moderado para a Covid-19. Com isso, em Vitória,...

Feira Sabores da Terra começa nesta quinta na Praça do Papa, em Vitória

Evento será realizado até o próximo domingo (29). Segundo o governo estadual, todos os protocolos de prevenção contra o coronavírus serão seguidos. Feira Sabores da...

Prorrogação da desoneração da folha de pagamento pode beneficiar indústrias paulistas

Estado com maior PIB do Brasil, de R$ 1,9 trilhão, São Paulo corresponde ao equivalente a 29,8% da indústria nacional. O setor emprega 2.922.404...