Prefeito Alencar Marim é multado em R$ 10 mil por descumprir decisão do TCE-ES

Alencar Marim, prefeito de Barra de São Francisco

Com base em manifestações do Ministério Público de Contas (MPC), o prefeito de Barra de São Francisco, Alencar Marim (Podemos), foi condenado a pagar multa no valor de R$ 10 mil, devido ao descumprimento de decisão do Tribunal de Contas do Estado do Espírito Santo (TCE-ES) pela terceira vez seguida.

Na época, o SiteBarra divulgou que apenas uma empresa participou e venceu a disputa pelo contrato de mais de meio milhão. Veja aqui

Conforme voto do relator da Representação 2774/2018, conselheiro Carlos Ranna, o prefeito não apresentou à Corte de Contas a íntegra dos processos em que constam liquidação e pagamento referentes ao Contrato de Prestação de Serviços 002/2018, decorrente do Pregão Presencial 60/2017.

Na representação, estão sendo apurados indícios de irregularidades nesse procedimento licitatório, o qual visava à contratação de empresa ou instituição especializada em consultoria ou assessoria para realização de programa de formação continuada para profissionais da educação do município, pelo valor global de R$ 551 mil.

A apresentação dos documentos foi determinada, inicialmente, em junho de 2018, mas não houve cumprimento total da decisão. O MPC, então, opinou pela aplicação de multa ao responsável, ante a inércia dele em cumprir a determinação do TCE-ES, bem como por notificá-lo para que encaminhasse a documentação faltante ao Tribunal de Contas. A manifestação foi acolhida e resultou na aplicação de multa no valor de R$ 3 mil ao gestor, em novembro de 2018.

Em razão de nova omissão do responsável, nova multa foi aplicada em setembro de 2019, no valor de R$ 5 mil, juntamente com a expedição de nova determinação para que ele enviasse os documentos ao TCE-ES. “Como bem infere o Ministério Público de Contas, pelo simples relato dos autos constata-se que o gestor tem sido contumaz no não atendimento das decisões dessa Egrégia Corte, conduta de extrema gravidade, uma vez que pode acometer o procedimento com a prescrição”, ressaltou o relator, no voto.

Diante disso, a Primeira Câmara do TCE-ES decidiu aplicar multa no valor de R$ 10 mil, na sessão realizada no dia 31 de julho, e estabelecer prazo de 15 dias improrrogáveis para que o prefeito encaminhe a documentação ao TCE-ES, sob pena de nova multa.

Veja mais no SiteBarra360

Veja também

Tribunal de Contas determina que prefeitura de Barra de São Francisco suspenda licitação para construção da rodoviária

Leia mais

Casagrande anuncia novas regras para funcionamento de supermercados e padarias no ES

A partir da próxima segunda-feira (20), supermercados, atacarejos,...

Vídeo marca o 13° Lançamento da Colheita do Café no Espírito Santo

https://www.youtube.com/watch?v=FJ5H2pWX2QY Um vídeo lançado nesta quinta-feira (14) marcou o 13° Lançamento da Colheita de Café do Espírito Santo. A iniciativa do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão...

Adolescente é detido pela polícia militar após roubar motocicleta em Pinheiros

Uma ação rápida dos militares do 2º Batalhão...

Leia também

Garoto Riquelme, que sonha em ser policial, visita pelotão de Água Doce do Norte

Este é o garoto Riquelme! Um grande amigo da Polícia Militar. Riquelme disse aos militares que "sonha em ser um policial um dia". Os guerreiros de ortiz...

Motoristas podem conferir e pagar infrações por meio da Carteira Digital de Trânsito

Motoristas de todo o país já podem acompanhar, receber e pagar multas por meio do aplicativo Carteira Digital de Trânsito (CDT). Isso ocorre pois...

Eleições 2020: Prazo para envio de candidaturas aos cartórios eleitorais e internet termina neste sábado (26)

O prazo final para que partidos e coligações apresentem requerimento de registros de candidatos termina às 19h deste sábado (26). O pedido, que anteriormente...

Equipes de saúde continuam sendo informatizadas em todos os estados. Saiba mais

O Ministério da Saúde homologou a adesão de mais Equipes de Saúde da Família informatizadas ao Programa de Apoio à Informatização e Qualificação dos...