Prazo para startups inscreverem soluções para os desafios da gestão pública encerra no próximo dia 28

Empresas de base tecnológica, as startups, de todo o País têm até o próximo dia 28 de agosto para inscreverem suas propostas de solução para os desafios gestão pública estadual, seguindo as orientações presentes no edital do Programa Pitch Gov.ES. O documento na íntegra está disponível no site www.fapes.es.gov.br.

As propostas submetidas devem ser relacionadas aos desafios selecionados nas áreas de Educação, Saúde, Segurança Pública, Infraestrutura e Mobilidade Urbana, Desenvolvimento Econômico Sustentável, Gestão Pública, Impacto Social e Cultura, ou aos desafios de outros Poderes, como o Judiciário.

A seleção das soluções encaminhadas será realizada em duas etapas. Na primeira, a Associação Brasileira de Startups (ABStartup) fará a análise de mérito das sugestões, considerando quatro critérios para a classificação: maturidade do estágio de desenvolvimento do interessado; modelo de negócio; equipe; e compatibilidade, inovação e benefícios. Já na segunda etapa, as empresas escolhidas deverão apresentar um pitch (defesa oral de cinco minutos), em evento on-line com a participação de banca examinadora.

O Pitch Gov.ES conta com recurso de R$ 750 mil, provenientes do Fundo Estadual de Ciência e Tecnologia (Funcitec), com a atuação da Mobilização Capixaba pela Inovação (MCI). Desse montante, até R$ 500 mil serão investidos nas propostas aprovadas para a fase de testes, cuja duração é de seis meses. Caso as soluções testadas apresentem bons resultados, alcançando metas pré-estabelecidas, elas podem ser contratadas e implementadas pelos órgãos públicos.

“O Pitch Gov.ES conecta o Estado a jovens empresas inovadoras, para resolver desafios da gestão pública por meio de soluções tecnológicas e em estágio avançado de maturidade. O objetivo do programa é melhorar os serviços públicos prestados aos cidadãos, estimular o ecossistema de inovação e dinamizar a economia”, destacou a secretária de Estado de Gestão e Recursos Humanos, Lenise Loureiro.

 

Leia mais

Leia também