Prazo de preenchimento da Pesquisa Nacional de Mobilidade Urbana começa nesta segunda-feira (18/04)

Compartilhe

Começa nesta segunda-feira (18/04) o período para que municípios com mais de 250 mil habitantes, estados e o Distrito Federal preencham o formulário da Pesquisa Nacional de Mobilidade Urbana (Pemob) 2022. O levantamento tem como objetivo subsidiar o aperfeiçoamento das políticas públicas de mobilidade urbana desenvolvidas pelo Governo Federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR).

Os gestores de mobilidade urbana dessas localidades deverão fornecer as informações até o dia 15 de junho. Para tanto, os entes devem estar cadastrados na Plataforma de Serviços do MDR, que pode ser acessada neste link.

“Essas informações são fundamentais, tanto para as Prefeituras – para o planejamento e diagnóstico da mobilidade urbana local – quanto para o Governo Federal, para conhecer os sistemas e poder desenhar políticas públicas mais adequada à necessidade da população do país”, explica a coordenadora-geral de Gestão de Empreendimentos da Secretaria Nacional de Mobilidade e Desenvolvimento Regional e Urbano do MDR, Carolina Baima.

Entre as informações solicitadas, estão desempenho operacional do transporte público coletivo local e regional, legislação, infraestrutura, instrumentos de gestão utilizados no sistema, qualidade dos serviços, além de receitas, custos e tarifas da área. Esses dados serão disponibilizados por meio do Sistema Nacional Informações em Mobilidade Urbana (Simu), lançado pelo Governo Federal em setembro de 2021.

Em caso de dúvidas ou questionamentos sobre o preenchimento da Pemob ou sobre o Simu e as informações disponibilizadas, os interessados podem enviar um e-mail.

Simu

O Sistema Nacional Informações em Mobilidade Urbana é uma ferramenta, que permite a consulta e a visualização de dados do setor e conta com informações provenientes de diversos órgãos e agências federais. Nele, é possível consultar informações em sete temáticas: infraestrutura de mobilidade urbana; serviços de mobilidade urbana; política tarifária; acesso a oportunidades; sustentabilidade ambiental; acidentes em transportes terrestres; e carteira de empreendimentos apoiados pelo Ministério do Desenvolvimento Regional.

O Simu atende à Lei n. 12.587/2012, que instituiu as diretrizes da Política Nacional de Mobilidade Urbana (PNMU). Entre outras atribuições, cabe à União organizar e disponibilizar informações sobre o Sistema Nacional de Informações em Mobilidade Urbana e a qualidade e produtividade dos serviços de transporte público coletivo.

Com informações do Ministério do Desenvolvimento Regional

Prazo de preenchimento da Pesquisa Nacional de Mobilidade Urbana começa nesta segunda-feira (18/04)

Foto: MDR

Leia também

Com o tema “Sonhos”, concurso de fotografia tem inscrições abertas

Fotógrafos profissionais ou amadores podem se inscrever, gratuitamente, até o dia 23 de junho, no 11º Prix Photo Aliança...

MAPA entrega primeira etapa de plataforma para controle agropecuário

Já está em funcionamento a primeira etapa da Plataforma do Autocontrole na defesa agropecuária, elaborada pelo Ministério da...

Candidatos selecionados para entregar carnês do IPTU são convocados para contratação

C O M U N I C A D O   A SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO EM CONJUTO COM A...

Ciclone pode atingir Sul do Brasil com ventos superiores a 100 km/h

  Desde a tarde de segunda-feira (16), Rio Grande do Sul e Santa Catarina estão em alerta para os...

Conheça os direitos de todos os cidadãos usuários do SUS

O Sistema Único de Saúde (SUS) é um dos maiores sistemas de saúde pública do mundo. Ele foi...

Inscrições abertas para a 10ª Subida Ecológica da Pedra da Botelha, em Boa Esperança

  A Prefeitura de Boa Esperança, através da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SEMA), promove, no dia 05 de...

Etapa dos Jogos Escolares em Barra de São Francisco foi um sucesso!!! Confira as fotos (04)

Confira na galeria de fotos quem marcou presença na Etapa Regional dos Jogos Escolares em Barra de São...