Por que o pouso da China em Marte trouxe entusiasmo ao mundo?


Rádio Internacional da China – Com a aterrissagem bem-sucedida da sonda chinesa com o veículo explorador Zhurong a bordo em Marte, a exploração interplanetária da China alcançou um salto histórico do sistema Terra-Lua para a área interplanetária. Funcionários da NASA, Agência Espacial Federal Russa, Agência Espacial Europeia (ESA) e outras instituições espaciais transmitiram seus parabéns, e a mídia internacional relatou o evento com grande entusiasmo.

O pouso bem-sucedido da sonda Tianwen-1 mostra que a China dominou uma série de tecnologias complexas para a aterrissagem segura em Marte. O Wall Street Journal comentou que depois de ser banida dos programas relacionados à NASA pelos Estados Unidos em 2011, a China teve que realizar sozinha a exploração espacial, mas por meios de seus esforços durante muito tempo, está agora na vanguarda da área.

De fato, o pouso bem-sucedido da sonda Tianwen-1 em Marte não é apenas uma honra tecnológica para a China, mas também possui um significado importante para todo o mundo.

Nos âmbitos científico e tecnológico, pousar em Marte é um passo importante na exploração do universo pela humanidade. As descobertas sobre esse planeta não apenas ajudarão as pessoas a entender melhor os segredos do universo e a origem da vida, mas também acelerarão o desenvolvimento na própria Terra, à medida que muitas novas tecnologias são geradas no curso da exploração de Marte. O avanço da China nesta área, sem dúvida, fará contribuições importantes.

Ao mesmo tempo, a missão chinesa de exploração de Marte criou uma nova plataforma para a cooperação internacional. No cumprimento da atual missão Tianwen-1, a Agência Espacial da China realizou a cooperação em vários projetos com instituições espaciais de outros países ou blocos. Cientistas do mundo todo também esperam que o rover Zhurong possa fornecer informações até então desconhecidas e melhorar a compreensão humana sobre Marte e o universo.

O salto tecnológico da China na exploração espacial sem dúvida criou novas expectativas de tecnologia e inovação em todo o mundo. Mais importante ainda, a China mostrou que é de interesse comum e para toda a humanidade substituir a “competição no espaço” pela “cooperação no espaço”.

Robô chinês pousa em Marte

Robô chinês pousa em Marte (Foto: Global Times)

Leia mais

Leia também