Policial militar aposentado é preso acusado de vender armas

Um policial militar aposentado, de 58 anos, foi preso em Jaguaré, no Norte do Estado, por envolvimento no tráfico ilegal de armas. Além dele, outras três pessoas foram presas. Ao todo onze armas foram apreendidas, além de munições, dinheiro, joias, notas promissórias e carros.

Segundo a Polícia Civil, a venda ilegal destas armas auxiliou a aumentar o poder de fogo dos traficantes da região, provocando um aumento no índice de homicídios em Jaguaré. As investigações duraram ao menos uma semana e contou com diversas frentes de atuação.

Com o policial aposentado, que foi segundo sargento da Polícia Militar, a força-tarefa apreendeu quatro armas longas e um revólver, além de munições. Ele seria um dos responsáveis pelo comércio ilegal na região.

Um outro suspeito, além da venda de armas, atuava como agiota, emprestando dinheiro com juros altos de forma ilegal. Com ele, a polícia apreendeu carros, dinheiro e notas promissórias.

Já em Conceição da Barra, a equipe apreendeu um armeiro, de 36 anos. Ele estava com três armas e material para fabricação de outros artefatos.

A investigação vai prosseguir. O objetivo agora é identificar o caminho das armas até a cidade e se há mais pessoas envolvidas nos crimes.

Fonte: Tribuna Online


Leia mais

Leia também