Polícia suspeita que homem usou marreta para matar os três filhos e a esposa em São Domingos do Norte

Um homem assassinou a esposa e os três filhos do casal, na madrugada desta terça-feira (15), em São Domingos do Norte, no Noroeste do Espírito Santo. Após o crime, ele tirou a própria vida.

A primeira informação era que ele tinha matado dois filhos, a esposa e a sogra, mas depois veio a confirmação que foram os três filhos.

De acordo com a Polícia Militar, o autor dos crimes é Flávio Sandro Olmo. Peritos da Polícia Civil foram ao local nesta manhã.

Ainda segundo a PM, a família deve ter sido morta com uma marreta.

As vítimas foram identificadas como Eusivania Marcelino de Souza, esposa de Flávio; Laisla de Souza Olmo, filha de 19 anos; Ítalo de Souza Olmo, filho de oito anos; e Anelise de Souza Olmo, de quatro anos.

Casa onde a família foi morta em São Domingos do Norte

Casa onde a família foi morta em São Domingos do Norte

Mais informações

Uma tragédia ocorreu hoje pela manhã (15), por volta das 09h, na sede de São Domingos do Norte, onde um homem matou a esposa, três filhos e em seguida se matou.

O caso causou espanto em toda cidade nesta manhã, pois ninguém imaginava que isso poderia ocorrer.

O homem foi identificado como Flávio (foto). A polícia está no local confeccionando o Boletim de Ocorrência Policial (B.O) e aguarda a perícia para a retirada dos corpos para ser encaminhados ao IML

Um homem, identificado como Flávio Sandro Olmo, matou a esposa e três filhos na madrugada desta terça-feira (15), em São Domingos do Norte. Em seguida, ele tirou a própria vida.

As informações foram confirmadas pela Secretaria Municipal de Trabalho, Assistência e Desenvolvimento Social e pela Polícia Militar, que estão no local.

De acordo com as primeiras informações, o crime teria acontecido por volta das 3 horas, quando moradores teriam ouvido gritos vindo da casa onde morava a família, no bairro Cristo, no Centro do município.

Entre os filhos, estão Anelise de Souza Olmo (4 anos), Ítalo de Souza Olmo (8 anos) e Laisla de Souza Olmo (19 anos). Já a mulher foi identificada como Eusivania Marcelino de Souza.

Até as 9 horas desta terça, segundo a prefeitura, os corpos continuavam no local. A Polícia Militar afirmou que a ocorrência está em andamento e a Defesa Civil e Polícia Civil foram acionadas. Ainda segundo a PM, o crime teria sido cometido com uma marreta.


Leia mais

Leia também