Polícia Federal apreende sete armas em uma casa no Espírito Santo

Um atirador desportivo foi preso em Cariacica, na Grande Vitória, com sete armas de fogo armazenadas em condições precárias e de fácil acesso. Além disso, ele não soube explicar onde se encontrava um revólver calibre 38 registrado em seu nome junto ao Exército. Ele foi preso pelo crime de posse de arma de fogo em desacordo com determinação legal ou regulamentar.

As sete armas de fogo deveriam estar em recipientes do tipo cofre, caixas metálicas ou outro recipiente que dificulte sua retirada do local de guarda. Além das armas, foram apreendidas 569 munições de diversos calibres.

A operação foi deflagrada pela Polícia Federal depois de uma troca de informações de inteligência entre as forças policiais. Foi identificando, então, que este homem comprou uma grande quantidade de munições, por meio da condição de atirador desportivo, e que supostamente daria destinação ilícita aos produtos. A possibilidade de venda ilegal das munições ainda está sendo investigada pela PF.

O Exército confirmou que ele é atirador e tem a posse de oito armas de fogo, sendo as sete encontradas e o revólver não encontrado. Foi informado à polícia, ainda, que ele adquiriu mais de 40 mil munições no ano passado e aproximadamente 10 mil neste ano.

O investigado foi preso em flagrante e conduzido à Polícia Federal, mas como se trata de infração penal afiançável, foi arbitrada fiança no valor de R$ 10 mil.

Informações: G1