Polícia faz operação para prender suspeitos de assassinatos no Espírito Santo

Uma nova fase da Operação Caim foi iniciada na manhã desta quarta-feira (8) pela Polícia Civil. A ação acontece em todo o Espírito Santo e tem como objetivos prender suspeitos de assassinatos com mandado de prisão em aberto e reduzir os níveis de violência no estado.

A Polícia Civil explicou a operação é desdobramento da ação que aconteceu na última quinta-feira (2). O propósito é direcionar esforços das delegacias especializadas e do interior do Espírito Santo para a redução no número de crimes.

Na Grande Vitória, a operação teve início às 6h e os policiais saíram da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Cariacica.

Em entrevista ao Bom Dia ES, o secretário de Segurança Pública, coronel Ramalho, informou que cerca de 100 policiais participam da ação para cumprir os mandados de prisão.

“Estamos com 100 policiais nas ruas desencadeando essa operação e outros mais em todos os municípios na tentativa de correr atrás desses índices que estão elevados. Eu não vou entrar em detalhes de bairros para não ferir o sigilo da operação, mas já temos prisões e apreensões”, disse.

De acordo com Ramalho, as operações são uma resposta da polícia aos crescentes índices de homicídio no Espírito Santo. O mês de março foi o mais violento desde a greve da Polícia Militar, em 2017.

“É importante ressaltar que no ano passado alcançou uma meta muito importante que foi a redução no número de assassinatos. Foi o melhor ano de uma série histórica desde 1992. Foram menos de mil homicídios e isso dependeu de um empenho muito grande das forças policiais. No mês de março a gente percebeu esse aumento e agora no primeiro final de semana de abril, percebemos uma continuidade neste número”, explicou.

Primeira fase

A operação é um desdobramento da ação que aconteceu na última semana em Cariacica e Vila Velha. Na primeira fase, 17 pessoas foram presas. Os suspeitos eram procurados por homicídios e tráfico de drogas.

Além das prisões, foram apreendidos celulares, armas, munições e material para comercialização de drogas.

Fonte: g1

 

Leia mais

Ecoporanga já tem 25 curados de Coronavírus; veja todos os casos

BOLETIM INFORMATIVO ATUALIZADO | COVID-19 Atualizado em 01 de junho de 2020, às 19:00hs, em Ecoporanga ✅ 298 Casos Notificados ✅ 165 Casos Suspeitos ✅ 60 Casos Confirmados ✅...

Bolsa Família beneficia 680 mil famílias no Centro-Oeste

Investimento é de mais de R$ 715 milhões. – Foto: Rafael Zart/Min....

TCU oferece curso sobre edificações e saneamento a gestores e servidores

Até 17 de novembro, servidores públicos e gestores de municípios com até 50 mil municípios podem se inscrever no curso Obras Públicas de Edificação...

Saiba quem tem direito ao auxílio emergencial de R$ 600 por mês

Chamada de coronavoucher ou coronavale, a medida foi...

Leia também

Bolsonaro convida Meneguelli para almoço em Brasília

O Prefeito Sérgio Meneguelli irá almoçar com o Presidente da República Jair Bolsonaro na quarta-feira (2) da próxima semana, ao meio dia. A primeira...

Governo do Espírito Santo autoriza volta de aulas presenciais em cidades com risco moderado para Covid-19

O Governo do Espírito Santo autorizou a retomada das aulas presenciais nas cidades que possuem risco moderado para a Covid-19. Com isso, em Vitória,...

Feira Sabores da Terra começa nesta quinta na Praça do Papa, em Vitória

Evento será realizado até o próximo domingo (29). Segundo o governo estadual, todos os protocolos de prevenção contra o coronavírus serão seguidos. Feira Sabores da...

Prorrogação da desoneração da folha de pagamento pode beneficiar indústrias paulistas

Estado com maior PIB do Brasil, de R$ 1,9 trilhão, São Paulo corresponde ao equivalente a 29,8% da indústria nacional. O setor emprega 2.922.404...