Plataforma reúne todos os serviços públicos e já conta com 70% oferecidos de forma digital

Quer ter acesso à carteira de trabalho de forma totalmente digital? E obter o certificado internacional de vacinação sem perder tempo com deslocamento e filas? Ou ter sempre com você a Carteira Digital de Trânsito? Basta acessar o gov.br.

Criada pelo Governo Federal há dois anos, a plataforma reúne em um só local todos os mais de três mil serviços digitais que estão disponíveis para o cidadão ter na palma da mão. Isso representa 70% dos 4,5 mil serviços oferecidos. Atualmente, o gov.br atende mais de 110 milhões de brasileiros já cadastrados.

“O Governo Brasileiro entrou em um ciclo virtuoso de modernização que coloca o Brasil em posição de destaque no mundo, e o gov.br é uma das provas desse avanço. Se continuarmos com esse ritmo de mudanças, teremos um país em que a transparência, eficiência no serviço público e desenvolvimento serão consequências de todo o trabalho que vem sendo desenvolvido”, destacou o Secretário Especial de Modernização do Estado da Secretaria-Geral da Presidência da República, Sérgio Queiroz.

E a digitalização foi fundamental no combate à Covid-19 e seus efeitos econômicos. Foram 832 serviços transformados durante a crise sanitária. Até o fim de 2022, o Governo Federal pretende oferecer em meios digitais 100% dos seus serviços no gov.br.

Com os serviços transformados nos últimos 2 anos e meio, mais de 100 milhões de solicitações que seriam feitas presencialmente, por correspondência ou por telefone puderam ser feitas em meio digital, com custo mais baixo para o cidadão e governo. Além de economia, isso garante mais agilidade, transparência e maior facilidade de acesso às informações e aos serviços públicos.

“Ao longo desses dois anos, o gov.br tem se consolidado como a plataforma de referência para cidadãos e empresas demandarem serviços do Governo Federal pela internet. O portal único faz parte da estratégia ampla de governo digital, que coloca o cidadão como foco principal de todas as ações do governo, oferecendo serviços e atendimento integrado, com segurança e transparência das informações”, explicou José Roberto Fernandes Júnior, secretário de Modernização da Administração Federal.

O secretário especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital, Caio Mario Paes de Andrade, disse que ao oferecer ferramentas e soluções tecnológicas, o Governo Federal também está possibilitando a melhoria do ambiente de negócios no país, fomentando o crescimento e o desenvolvimento econômico. “É histórico e é um caminho sem volta. O gov.br é uma grande conquista silenciosa da sociedade brasileira”, declarou.

Quem passou a usar os serviços digitais foi o auxiliar administrativo Robson Almeida Alves Brasil, de 36 anos. “Estou descobrindo tudo isso agora e hoje acho, sim, bem mais prático ficar resolvendo o que preciso por meio do digital. Uso cadeira de rodas e não tenho como ficar saindo, abrindo e fechando a cadeira, é muito desgastante. Os aplicativos estão me ajudando mesmo nessa questão”, contou.

Economia

A estimativa é que a economia anual gerada com a digitalização dos serviços seja de R$ 3,1 bilhões, sendo R$ 2,3 bilhões para a sociedade e R$ 800 milhões para o governo. O usuário não precisa ir até as agências dos órgãos públicos, gastar com transporte e dispor de tempo, por exemplo. Já o governo elimina a burocracia, reduz o uso de papel, contratação de pessoal para atendimento presencial e reduz perdas com erros e fraudes.

“Hoje uma boa parte da população usa a versão digital da carteira de trabalho, da carteira de motorista, do CPF e de tantos outros documentos. É o mundo digital que chegou para fazer prova de vida, pagar o auxílio emergencial, requerer e receber o seguro desemprego, fazer embarques em aeroportos. Tudo para melhorar a experiência no atendimento. Tudo para facilitar a vida do cidadão”, ressaltou o secretário especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital, Caio Mario Paes de Andrade.

Usuários

Outra marca atingida ao completar dois anos é a de 110 milhões de usuários cadastrados no gov.br. Um deles é o servidor público, Helmarques Ferreira dos Santos. “Eu uso o Meu gov.br e acho interessante a ideia de acompanhar minha vida funcional na palma da mão. Consulto a prévia do contracheque e faço requerimentos necessários, e o banco de talentos migrado ficará mais simples de acessar em um mesmo local, posso fazer cursos on-line com a senha meu gov e é interessante essa integração de sistemas”, avaliou. “Acho interessante o governo facilitar a vida do servidor com aplicativos simples de usar, seguros e funcionais”.

O cadastro no gov.br dá acesso aos serviços públicos digitais de forma segura e confiável. Com um único usuário e senha é possível acessar não só os serviços federais, mas também os serviços de estados e municípios que também aderiram ao gov.br.

Aplicativos

O cidadão também pode ter acesso aos aplicativos do governo pelo gov.br. Os mais baixados são o da Carteira Digital de Trânsito (22.494.000), Carteira de Trabalho Digital (17.867.000), Meu INSS – Central de Serviços (11.019.000), gov.br (4.557.600) e Conecte SUS (3.561.100). Os dados se referem ao acumulado de 2020 e 2021.

Para o aposentado Dornelles Williams de Oliveira, de 67 anos, fazer a prova de vida nunca foi tão fácil. Sem sair de casa, ele fez tudo pela internet e não precisou ir a uma agência do INSS. “O aplicativo é muito fácil de usar e bastante seguro. Através dele realizei minha prova de vida do INSS este ano pelo celular, de forma fácil e rápida, no conforto da minha residência. Espero que a cada dia sejam incluídos novos serviços, o que vai ser muito útil, facilitando a vida de todos e economizando tempo. Da minha parte, só tenho a recomendar a utilização do aplicativo”.

Já a publicitária Giovana de Freitas, de 21 anos, baixou o aplicativo da carteira digital de trânsito e disse que achou vantajoso ter o documento em formato digital. “Ela oferece muita praticidade, pois é uma forma de levar esse documento para qualquer lugar, utilizando apenas meu celular. Não me preocupo mais com perdas, como é o caso da CNH de papel, pois com a digital não sofro esse risco”, afirmou.

Plataforma única

Antes o cidadão precisava acessar diferentes sites do governo na busca dos serviços públicos. Com o gov.br, essa realidade mudou. Ele unifica os canais digitais do Governo Federal, priorizando as informações sobre os serviços prestados e criando uma entrada única para as notícias e páginas institucionais da Administração Federal.

A ideia é simplificar o acesso dos cidadãos aos serviços públicos e informações. Até o final do mês de junho, 126 portais já haviam feito a migração. A disponibilização das informações institucionais, notícias e serviços públicos prestados pelo Governo federal em um só portal foi definida pelo Decreto 9.756/19. O objetivo é oferecer ao cidadão um canal direto e rápido de relacionamento com os órgãos federais.

Plataforma reúne todos os serviços públicos e já conta com 70% oferecidos de forma digital