PIB do Espírito Santo avança pela sétima vez consecutiva

Compartilhe

Pela sétima vez consecutiva, a economia capixaba apresentou resultado positivo no indicador trimestral do Produto Interno Bruto (PIB). O crescimento no primeiro trimestre de 2022 foi de +1,7%. A atividade econômica estadual obteve expansão acima da média nacional em todas as bases de comparação. Os setores de Serviços, Comércio Varejista e Indústria Geral contribuíram para o bom desempenho. Os dados foram divulgados, na manhã desta sexta-feira (03), pelo Instituto Jones dos Santos Neves (IJSN), em coletiva de imprensa.

De acordo com o levantamento, o Espírito Santo avançou em todas as quatro bases de comparação, superando o desempenho nacional em todas elas. No acumulado do ano, o PIB capixaba ficou em +4,1%, contra +1,7% da média nacional. Os resultados se repetem na comparação do primeiro trimestre de 2022 com o primeiro trimestre do ano anterior.

Já na comparação do acumulado dos últimos quatro trimestres com o mesmo período anterior, a expansão foi ainda maior, registrando +7,2% para o Estado, frente a +4,7% do Brasil. Este é o melhor resultado desde o primeiro trimestre de 2012. Na comparação do primeiro trimestre de 2022 com o último de 2021, houve aceleração no ritmo de crescimento de +1,7% para o Espírito Santo, contra +1,0% do País.

“O Instituto Jones dos Santos Neves é o órgão oficial responsável pelos dados do PIB trimestral e do PIB anual do Espírito Santo, e integra uma rede nacional de pesquisa de contas regionais, coordenada pelo IBGE. Os resultados mostram a economia capixaba crescendo de forma expressiva, com seu desempenho se mantendo sempre acima da média nacional e em um ritmo contínuo”, destacou o diretor de Integração do IJSN, Pablo Lira.

 

Para ele, os bons resultados refletem diretamente na vida da população, com a criação de novos postos de trabalho e a atração de novos investimentos. “O Espírito Santo vem reduzindo a sua taxa de desemprego combinado com o crescimento econômico destacado aqui. O Estado tem a nona menor taxa do país e vem acumulando avanços no saldo de empregos no mercado formal. Isso se reflete na sociedade, na geração de emprego, na renda e em oportunidades para a população. Com o ambiente econômico equilibrado, atraindo novas empresas, tudo indica que o Estado vai continuar apresentando, até o final do ano, esses resultados positivos”, completou Lira.

 

Resultados

Segundo os dados do Instituto Jones, no confronto com o mesmo trimestre do ano anterior e no acumulado do ano, a atividade econômica capixaba cresceu +4,1%, sendo explicado pela confluência das altas de +9,9% nos Serviços, +5,1% no Comércio varejista ampliado e, em menor proporção, pelo incremento de +1,6% na Indústria Geral.

A contribuição positiva para o desempenho do PIB, ao observar o acumulado do ano, pode ser explicada nos Serviços pela expansão +33,3% em Serviços prestados às famílias e crescimento de +13,8% em Transportes, serviços auxiliares aos transportes e correio. Já no Comércio varejista ampliado, a alta foi influenciada pelo crescimento no Varejo restrito (+8,8%) e em Veículos, motocicletas, partes e peças (+0,4%). Por sua vez, o resultado positivo da Indústria Geral deve-se a expansão de +7,5% da Indústria de Transformação, contrabalanceado pela retração de -10,8% na Indústria Extrativa.

A Indústria de Transformação apresentou avanços na produção em três dos quatro setores investigados, sendo positivos nas atividades de Fabricação de produtos alimentícios (+20,5%), Metalurgia (+13,0%) e Fabricação de celulose, papel e produtos de papel (+1,9%). Em sentido oposto, a atividade de Fabricação de minerais não metálicos (-8,8%) registrou recuo na produção.

Os resultados para a produção agrícola demonstram expansão em 8 dos 10 principais produtos agrícolas: Café Conilon (+3,3%), Café Arábica (+28,4%), Banana (+8,7%), Pimenta-do-reino (+4,0%), Tomate (+1,4%), Cana-de-açúcar (+23,8%), Cacau (+2,5%) e Abacaxi (+10,0%); e as retrações em Coco (-13,1%) e Mamão (-8,7%).

Em valores correntes, o PIB nominal capixaba alcançou a cifra de R$ 39,8 bilhões no primeiro trimestre de 2022, se mantendo estável em relação ao período anterior. No acumulado de quatro trimestres, a cifra chegou a R$ 156,6 bilhões, atingindo o maior patamar agregado em toda a série histórica.

“Os resultados mostram uma forte retomada econômica em setores importantes como Serviços, Comércio Varejista e na Indústria. Temos que destacar ainda a previsão de crescimento na produção agrícola, com aumento nas safras de café Arábica, Conilon e vários outros produtos. As boas notícias se refletem também no mercado de trabalho, com saldo positivo já neste primeiro trimestre. O ponto de atenção deve ser a inflação, que acumulou alta de 3,0% no período”, pontuou o coordenador de Estudos Econômicos do IJSN, Antonio Ricardo da Rocha Freislebem.

Panorama Econômico

Na apresentação do PIB trimestral, foi lançado também o Panorama Econômico do Espírito Santo, referente ao primeiro trimestre de 2022. A publicação traz, de forma detalhada, os desempenhos setoriais registrados pelos setores de Indústria, Comércio e Serviços, além de dados do Comércio Exterior, Inflação e Mercado de Trabalho do Estado.

Além do bom desempenho dos setores de Indústria, Comércio e Serviços, merece destaque o Comércio Exterior, com o crescimento das exportações. Nos três primeiros meses deste ano, o avanço chegou a +18,65%, movimentando US$ 2,1 bilhões. As importações também tiveram alta de +62,82%, com movimentação de US$ 2,1 bilhões no período. Em relação ao Mercado de Trabalho, o estoque de emprego formal chegou a 787.283 postos, produzindo um saldo de +13.481 novos vínculos com carteira assinada no primeiro trimestre.

Clique para acessar o relatório completo do Indicador Trimestral do PIB do Espírito Santo – 1º Trimestre de 2022.

Clique para acessar as informações detalhadas do Panorama Econômico do Espírito Santo – 1º trimestre de 2022.

Leia também

Pacientes renais visitam a clínica de hemodiálise e demonstram sua ansiedade pelo tratamento em Barra de São Francisco

O aposentado Ludovico Saar, 73 anos, luta pela vida há décadas com problemas renais. Ele já chegou a...

Pacientes renais visitam a clínica de homodiálise e demonstram ansiedade pelo tratamento

O aposentado Ludovico Saar, 73 anos, luta pela vida há décadas com problemas renais. Ele já chegou a...

Colocação de piso em granito avança na calçada cidadã no centro de Barra de São Francisco

O piso em granito que está sendo colocado no calçadão da Avenida Jones dos Santos Neves, no centro...

Operação Acolhida ultrapassa 76 mil venezuelanos interiorizados no Brasil

No Dia Mundial do Refugiado, celebrado em todo 20 de junho, um importante instrumento para a recepção desse...

Duas pessoas morrem em novo acidente no Lago de Furnas

Duas pessoas morreram na noite deste sábado (18), no Lago de Furnas, nas proximidades do município de Capitólio,...

Chefe da diplomacia da UE acusa Rússia de crime de guerra por reter alimentos na Ucrânia

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O chefe da diplomacia da União Europeia (UE), o espanhol Josep Borrell, comparou...

Inverno começa nesta terça: veja a previsão do tempo para o Espírito Santo na estação mais fria do ano

    Frio em Vitória — Foto: Incaper/Divulgação O inverno começa no início da manhã desta terça-feira (21) em todo o...