PF investiga no Espírito Santo suspeita de desvio de mais de R$ 2 milhões da Santa Casa de Santana do Livramento

Policiais federais cumprem 10 mandados de busca e apreensão no estado e no Espírito Santo. PF apura irregularidades que teriam sido cometidas pelo instituto que administrou o hospital de maio a novembro de 2019.

PF investiga desvio de R$ 2 milhões da Santa Casa de Santana do Livramento — Foto: Divulgação/PF-RS

Por Carolina Cattaneo e Lucas Bello, G1 RS e RBS TV

 

A Polícia Federal faz, na manhã desta quarta-feira (23), uma operação que investiga uma suspeita de desvio de mais de R$ 2 milhões de recursos do SUS destinados à Santa Casa de Santana do Livramento, cidade da Fronteira do Rio Grande do Sul.

Policiais federais cumprem 10 mandados de busca e apreensão: dois no município gaúcho de Sarandi, e outros oito no Espírito Santo — Vitória (1), Vila Velha (4), Afonso Cláudio (1), Venda Nova do Imigrante (1) e São Domingos do Norte (1). Também estão sendo cumpridas ordens judiciais de sequestro de bens, de bloqueio de contas bancárias e medidas cautelares de natureza pessoal, expedidos pela 22ª Vara Federal de Porto Alegre.

O secretário-geral de governo da prefeitura de Santana do Livramento, Ricardo Dutra, afirmou que a investigação é sobre o Instituto Salva Saúde, que teve contrato com a Santa Casa.

“Entendemos que a Polícia Federal está fazendo seu trabalho e é assim que deve ser, devem investigar e apurar as provas e, caso haja irregularidade, que os culpados sejam punidos. O objeto central da investigação é o instituto”, afirma Dutra.

A RBS TV fez contato com o presidente do Instituto Salva Saúde. Jan Christoph Lima da Silva informou que irá enviar uma nota sobre o assunto, mas até a publicação desta reportagem o posicionamento não havia sido entregue.

A investigação apura o desvio de recursos públicos a partir de contrato feito entre a Santa Casa de Misericórdia e a organização social responsável pela gestão do hospital, entre maio e novembro de 2019. O instituto estava sob intervenção da prefeitura de Santana do Livramento, mas não foram cumpridos mandados na sede do executivo municipal.

Segundo a PF, no período do contrato, a organização social subcontratou duas empresas pertencentes ao mesmo grupo criminoso para a execução de atividades de assessoria e consultoria, em valor superior a R$ 1 milhão, como forma de justificar o desvio de verbas realizado por diversas transferências bancárias ao longo de todo o período, bem como permitir a contabilização nas empresas de destino como se os recursos fossem lícitos.

Além disso, a PF informou que notas fiscais e contratos com empresas de fachada foram forjados com o propósito de sustentar as transferências ocorridas.

A estimativa da PF é de que mais de R$ 1,5 milhão foram repassados para diversas pessoas físicas investigadas, principalmente para o diretor da organização social contratada pela prefeitura, que efetuou no período de contrato saques em espécie que somaram mais de R$ 500 mil.

Leia mais

Nova Venécia chega a 17 mortes e confirma mais oito casos de Covid-19

A Secretaria Municipal de Saúde de Nova Venécia,...

Polícia apreende moto roubada em Água Doce do Norte

MOTO COM RESTRIÇÃO DE FURTO/ROUBO É RECUPERADA PRÓXIMO A VILA LENITA, ÁGUA DOCE DO NORTE Na noite desta quarta-feira (10.06), durante patrulhamento pela rodovia ES-080,...

Plano de Contingência deve garantir alimentação e assistência social a crianças e adolescentes

Em comemoração aos 30 anos do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), o Governo Federal apresentou novas medidas para assegurar a proteção dos...

Leia também

Criminosos se passam por fiscais da Vigilância Sanitária para extorquir comerciantes em Colatina

Donos de bares e restaurantes de Colatina, na região Noroeste do Espírito Santo, estão recebendo ligações de golpistas se passando por agentes da Vigilância...

Com briga de Abraão e Jacy, eleitores procuram adversários

A briga do ex-prefeito Abraão Lincon e do atual prefeito Jacy Donato é o principal assunto político em Água Doce do Norte nos últimos...

PB: Governo dá início a piloto de pesquisa sobre Covid-19 na capital

O governo da Paraíba deu início a uma pesquisa inédita no Brasil sobre a Covid-19. Nessa terça-feira (27), agentes comunitários da saúde (ACS) e...