Pesquisadores descobrem ninho de pássaro raro que só existe nas florestas do Espírito Santo

Compartilhe

É no alto das árvores da Mata Atlântica do Espírito Santo que vive uma das espécies de ave mais ameaçadas de extinção em todo o mundo: trata-se da Saíra-Apunhalada, espécie encontrada apenas na região de Santa Teresa e na Mata dos Caetés, localizada entre as cidades de Castelo e de Vargem Alta, no Sul do estado.

A raridade da espécie se traduz em números, já que atualmente só existem 11 pássaros adultos, todos vivendo em território capixaba. Contudo, o recente nascimento de mais três filhotes da Saíra-Apunhalada, que eleva a população para 14 exemplares, acende a esperança de pesquisadores que se dedicam à preservação do pássaro dia e noite.

A fim de não perder nenhum detalhe do desenvolvimento dos animais, a equipe do Instituto Marcos Daniel, responsável pelo Programa de Conservação da Saíra-Apunhalada, montou até um andaime de frente para o ninho, que foi descoberto na Mata dos Caetés.

“A Saíra-Apunhalada foi descoberta em 1870. A partir daí, os relatos de observação dela eram muito raros. Em 1998 ela foi redescoberta como espécie, porque ela era tida como extinta na natureza”, explica o coordenador do projeto, Marcelo Renan Santos.

O estudante de Biologia Thieres Delaprani Fiorotti chega ao ponto de observação criado no meio da mata às 5h30 e só sai de lá às 17h30. Equipado com binóculo e câmera, ele permanece junto dos filhotes durante todo o dia e conta que já tomou alguns sustos, como o dia em que o ninho foi atacado por um tucano, fazendo com que as aves, ainda bebês, se separassem.

“Montamos essa plataforma para pegar o máximo de informações, de dados, vídeos, fotos e áudios para estudo dos especialistas”, conta ele.

Caracterizada por uma mancha avermelhada na altura do pescoço, a Saíra-Apunhalada pode chegar a medir entre 12 e 14 centímetros. Como machos e fêmeas são iguais, não é possíveis distingui-los ao olhá-los.

Marcelo Renan explica que este pássaro só vive em áreas de Mata Atlântica densas, acima de 800 metros do nível do mar. Como o desmatamento tornou esses locais cada vez mais raros, a Saíra-Apunhalada teve seu habitat natural cada vez mais reduzido e este ainda é um dos principais desafios para garantir a perpetuação da espécie.

“Com a escassez desse tipo de ambiente, esses animais ficaram isolados em blocos de floresta remanescentes. É por isso que hoje ela só ocorre em dois lugares no mundo, que ficam aqui no Espírito Santo. Por isso, uma das estratégias de proteção é proteger o ambiente onde a Saíra vive”, diz.

Pesquisadores montaram um andaime para observar filhotes de pássaro no Sul do ES

Pesquisadores montaram um andaime para observar filhotes de pássaro no Sul do ES

Saíra-Apunhalada com filhotes no ninho, localizado na Mata dos Caetés, no Sul do ES

Saíra-Apunhalada com filhotes no ninho, localizado na Mata dos Caetés, no Sul do ES

Leia também

Ministério da Saúde reforça importância da vacina de febre amarela, postos de saúde de todo o Brasil oferecem dose contra a doença

O Ministério da Saúde faz um alerta sobre a febre amarela e ressalta a importância da vacinação contra...

Quinze cidades brasileiras entram em situação de emergência por conta de desastres

A Defesa Civil Nacional reconheceu a situação de emergência em 15 cidades de Alagoas, Amazonas, Bahia, Pernambuco, Rio...

MedicalPlus inaugura clínica em Nova Venécia

Inaugurada nesta segunda-feira, dia 27, a MedicalPlus é a primeira clínica de diagnóstico por imagem em Nova Venécia...

INDICADORES: Preço do boi gordo tem queda nesta quinta-feira (30)

A cotação da arroba do boi gordo começou a quinta-feira (30) com queda de 1,95% e o produto...

Cartão do Auxílio Brasil começa a ser entregue; veja quem receberá

CRISTIANE GERCINA SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O novo cartão do Auxílio Brasil começou a ser entregue aos...

Homem morre em acidente na BR-101 a caminho de comemoração pelo aniversário da esposa

  Carro que a vítima dirigia bateu com uma carreta na altura do km 313,2 da rodovia Um homem de...

#TeSaiCovid: Jovens do AM, PA e MT produzem campanha de comunicação; confira spot

O Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), em parceria com o Instituto Peabiru, lançou, em maio...

Programa Calçamento Rural já liberou 27,3 mil m² de material para pavimentação em comunidades do interior

O prefeito de Barra de São Francisco, Enivaldo dos Anjos tem conseguido, junto ao Governo do Estado, acelerar...