Parceria das famílias fortalece aprendizado dos alunos nas Atividades Não Presenciais

A parceria entre família e escola é um ingrediente tão importante no desenvolvimento dos alunos que tem dia marcado no calendário escolar da Secretaria da Educação (Sedu). Esta quarta-feira (27) é uma das datas reservadas à celebração da parceria, que, neste momento de pandemia do Covid-19, precisou ser ainda mais reforçada. Com as escolas fechadas como forma de prevenção, é durante as Atividades Pedagógicas Não Presenciais (ANPs) que as famílias têm demonstrado todo carinho, preocupação e atenção na aprendizagem dos estudantes.

A proximidade de Mônica Souza de Azevedo, por exemplo, com o filho Lucas Souza de Azevedo Ferreira, é um desses exemplos. Os dois são alunos da Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio (EEEFM) Horácio Plínio, em Bom Jesus do Norte. Lucas está na 2ª série do Ensino Médio e a Mônica Azevedo na Educação de Jovens e Adultos (EJA). Mas, como o aluno é surdo, as aulas on-line com a professora intérprete em Libras ganham ainda mais peso com a mãe dele por perto.

“Eu e a intérprete do Lucas estamos fazendo o dever dele pelo áudio e vídeo. Ele tem se saído muito bem. Também fazemos as atividades pelo notebook. Sempre estou por perto ajudando no que eu posso fazer. A professora do meu filho também sempre manda vídeo em Libras para ele assistir e eu gosto de acompanhar”, disse.

Com a aluna do 9º ano, da Escola Estadual Pedro Simão, de Alegre, Ana Júlia Alves Barbosa, o apoio e a proximidade da família durante os estudos já ajudaram em conquistas importantes. “Ela foi a ganhadora do Concurso de Redação da Fama, em 2012 e, depois disso, produziu uma poesia que foi publicada na Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), além da participação em olimpíadas”, destacou sua mãe, Renata Alves.

 

Leia mais

Leia também