Parceria com ONG inglesa vai promover financiamento de projetos sustentáveis

Ministério do Desenvolvimento Regional assina memorando de entendimento para atrair investimentos

Títulos verdes captam recursos para implementar ou financiar projetos que promovam a sustentabilidade e benefícios ao meio ambiente. Foto: Banco de imagens

O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) assinou, nesta terça-feira (1º), um memorando de entendimento com a ONG inglesa Climate Bond Initiative (CBI) para qualificar projetos seguindo critérios de sustentabilidade e atrair investidores, tanto na fase de leilões quanto na captação de recursos, com a possibilidade de emissão de títulos verdes para financiamento das ações.

“Temos a preocupação de atrair parcerias para enfrentar os grandes desafios que o Brasil tem pela frente, como a universalização do tratamento de esgoto e água, a revitalização das nossas bacias hidrográficas e obras de mobilidade e de habitação”, destaca o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho. “Esse acordo que assinamos hoje é essencial nesse processo, pois vai permitir que certifiquemos a nossa carteira. Com isso, os investidores interessados em trabalhar conosco poderão emitir títulos verdes para financiar suas atividades. Isso vai dar maior competitividade e maior relevância às nossas ações”, completou.

A assinatura do acordo vai trazer para o ministério práticas e conhecimentos da organização inglesa, que se relacionam com esse novo contexto de elaboração de projetos e programas de infraestrutura com base em certificação ambiental. A parceria também vai mobilizar o mercado de títulos relacionados a soluções para a mudança do clima a voltar os olhos para o Brasil. Para a organização internacional, o benefício está na disseminação e na aplicação de novos parâmetros ambientais reconhecidos internacionalmente.

“O Brasil tem à sua disposição os últimos recursos ambientais intocáveis do mundo. É um diferencial econômico para o País. Esta é uma oportunidade de certificar projetos com o foco sustentável para atender à demanda que cresce cada vez mais no mercado internacional”, avaliou a diretora executiva da CBI, Justine Leigh-Bell, por meio de videoconferência.

O memorando de entendimento estipula um prazo de três meses para a elaboração de um plano de trabalho, que definirá os setores prioritários para cooperação. O acordo tem vigência de 36 meses.

Títulos verdes
Os títulos verdes são títulos de dívida lançados por empresas para captar recursos voltados a implantar ou refinanciar projetos e também para a compra de ativos capazes de trazer benefícios ao meio ambiente ou amenizar os efeitos das mudanças climáticas.

Atualmente, quem pode emitir títulos verdes no Brasil são empresas públicas e privadas, bancos de desenvolvimento nacionais e regionais, bancos públicos e privados e bancos multilaterais.

 

Com informações do Ministério do Desenvolvimento Regional

Leia mais

Leia também