OS APELIDOS CARINHOSOS DADOS PELO CASAL

 

Todo casal nem bem iniciou o relacionamento já vai logo criando um apelido um para o outro. O mais comum entre todos é amor, que acaba virando, mor, mozinho, mô, morzão, etc. Ai vem outros, como: bem, paixão, querido (a), lindo (a), fofo (a), e seus derivativos. Conforme a historia de cada um vai acontecendo, as vivencias e as bobeiras de cada casal a coisa vai ficando mais preocupante. Eles começam a se chamar por nomes de animais e comida: Meu docinho, meu chocolate, meu quindinzinho, meu moranguinho, minha gatinha, meu ursão, meu ogrinho, meu ursinho, e por ai vai.

Com o passar dos anos, de acordo com momento de cada casal, os apelidos podem cambiar, passando para um nível mais carinhoso. Os chamamentos passam a ser: baleia, estrupício, banana, vaca, bunda mole, galinha, jaca (do avesso), xarope, sócio (a), a patroa, o homem lá de casa (subentende que há o lá de fora).

O pior de tudo é quando o sentimento acabou e o cônjuge continua a gritar o outro pelo apelido original. A mulher chega à delegacia de policia e diz: vim registrar a queixa: o amor me encheu de tapas na cara. O homem vai ao advogado e desapegado das coisas materiais fala: O doutor sabe que eu lutei muito e o bem não sabe de todos os bens que eu tenho. Vamos nos separar e não fica bem o bem querer levar metade de meus bens. Fique tranqüilo meu filho, seu bem e seus bens vão ficar em (minhas) boas mãos (rsrsrsrsrsr).

Outra hora a natureza se incumbe de fazer a pessoa jus ao nome. Minha fofa é aquela briga. A mulher arma o maior barraco por que o marido a chamou de gorda, quando ela engordou míseros 30 kg nos 10 anos de casados. Também a natureza faz a mulher falar aquela baita mentira. O cara ficou careca, criou calo na barriga, caíram os dentes e ela conclama: vem cá meu lindo! Tem também as coincidências imperdoáveis. A mulher sussurra no linho de amor: Nossa! Paixão você esta cada vez melhor. O cara se chama Paulo Paixão e o marido Luiz Carlos. Abaixo apelido. Viva o nome.

Texto: Creumir Guerra
Creumir Guerra é Promotor de Justiça no Estado do Espírito Santo

Veja mais sobre Creumir Guerra

Leia mais

Motorista invade contramão e provoca acidente com morte de motociclista em Vila Velha

O velocímetro do veículo que causou o acidente ficou travado, marcando a velocidade de 130 km/h Uma motociclista morreu após um acidente envolvendo dois carros,...

INSS prorroga atendimento remoto até 11 de setembro. Veja os novos procedimentos!

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) prorrogou...

Governo reconhece 20 mil venezuelanos como refugiados

O governo brasileiro reconheceu a condição de refugiados de quase 20 mil venezuelanos. A decisão do Comitê Nacional para os Refugiados (Conare) foi publicada...

Leia também

Governo anuncia simplificação do eSocial e modernização de normas do trabalho

Segundo o Ministério da Economia, o texto atual estava em vigor desde 2005 e dificultava e inviabilizava a adoção de soluções trabalhistas no setor...

“Perdemos um terço da estrutura produtiva. Nossa retomada vai depender do aumento do consumo no Brasil”, diz coordenadora de Inteligência de Mercado da Abicalçados

A crise causada pela pandemia da Covid-19 teve impacto significativo no mercado calçadista brasileiro. O Brasil é o quarto maior produtor mundial de calçados,...

Novo regulamento para o setor de radiodifusão passa a valer a partir de 3 de novembro

O setor de radiodifusão vai passar por uma série de mudanças em sua regulamentação. A principal delas é o novo Regulamento sobre Canalização e...

Mobilização pelo Emprego e Produtividade promete facilitar a vida de empreendedores

Com a pandemia, não foi só a saúde que enfrentou dificuldades. Até final de julho deste ano, mais de 13 milhões de brasileiros ficaram...