Obra do governo estadual: A tão sonhada barragem em Ecoporanga completa dois anos que está paralisada

É comum no Brasil obras públicas milionárias que começam e não terminam no prazo, e as vezes nunca ficam prontas.

Foto: Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Ecoporanga ASCOM-PME

Obra da barragem no córrego Dois de Setembro, interior de Ecoporanga é mais uma dessas obras, que seria uma das mais importantes no município, chegamos no final do ano de 2020, completando dois anos de paralisação, e até o momento a obra está somente no papel, o local está abandonado e completamente esquecido.

Com dois anos de paralisação da obra, o local virou somente mato e destruição, sem falar no crime ambiental, causando assoreamento em nossa represa que abastece a cidade de Ecoporanga. A ordem de serviço que é de responsabilidade do governo estadual, no valor de R$ 667.663,99 foi assinada no dia 10 de agosto de 2017. A área foi comprada pela prefeitura Municipal de Ecoporanga, no valor de R$ 100 mil reais. A implantação da represa iria aliviar a crise hídrica, que é um grande problema de todos os cidadãos ecoporanguenses na época da seca, o motivo da paralisação foi uma sondagem mal feita no terreno, que foi executada pelo governo estadual, e motivou a paralização, o prazo de entrega era de 180 dias.

Foto: Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Ecoporanga ASCOM-PME

No ano de 2019, nossa equipe de reportagem buscou informações do governo estadual, e foi relatado que a obra era umas das prioridades em 2020, teria que haver uma nova licitação, contratar uma nova empresa e verificar o terreno, ou até mesmo retornar em outra área. Infelizmente estamos chegando no final do ano de 2020 e nada foi feito.

O que as autoridades locais, Secretaria Municipal de Agricultura, vereadores que são os fiscais do povo, e prefeito tem feito para cobrar do governo do estado a continuidade desta tão importante obra para nosso município.

Quem passa pelo local fica triste de ver tamanha destruição e abandono, em cidades vizinhas, como Barra de São Francisco, Montanha e outras a mesma obra já foi entregue para a população.

 

Fonte: Itamar José dos Santos / Agitaeco

Leia mais

Capixabas premiados em 1º e 2º lugares na Semana Internacional do Café

Texto: Andreia Ferreira Os melhores cafés do Brasil são capixabas! A afirmação veio do resultado do prêmio Coffee of the Year (COY) 2020, promovido durante a Semana...

Espírito Santo chega a 1.836 mortes e 54.547 casos confirmados de Covid-19

Na comparação com os dados divulgados neste domingo (5), o aumento é de 33 mortes e 1.154 novos casos da doença. Até o momento,...

Prazo para apresentação de plano para fim de lixões nos municípios encerra no final do ano e prefeitos devem ficar atentos

Com a publicação do Novo Marco Legal do Saneamento, associações de municípios estão alertando os gestores municipais sobre os prazos para que sejam feitas...

Leia também

Mais de 4 mil municípios recebem R$ 1,5 bilhão para investir na cultura

Até junho de 2019, 75% dos municípios, ou 4775 cidades brasileiras, completaram 12 anos sem recursos do Governo Federal para políticas públicas na área...

Oito equipes vencem o Inova Senai 2020

Com propostas de soluções para demandas reais da sociedade e da indústria brasileira, estudantes do Serviço Nacional de Aprendizagem (SENAI) desenvolvem projetos inovadores ao...

Plano Novo Normal Paraíba mostra aumento de transmissão da Covid-19 no estado

A 13ª avaliação do Plano Novo Normal Paraíba revela que houve aumento na taxa de transmissão da Covid-19 nos últimos 15 dias. A avaliação...

Número de empregados na agricultura fica normalizado

Após o primeiro impacto causado na economia e no mercado de trabalho devido à pandemia do novo coronavírus, o número de empregado no setor...