“O autoexame ajudou a salvar a minha vida”, diz Nádia Toscano


Aposentada foi diagnosticada com um câncer no seio direito, passou por sessões de quimioterapia, radioterapia e cirurgia para fazer o quadrante da mama


“Não sou de me anular, de achar que sou coitadinha, encarei numa boa. Na verdade, eu não tive medo, não achei que iria morrer. Tenho muitas coisas a realizar aqui ainda”, é o que conta de forma serena, a aposentada Nádia Toscano, diagnosticada com câncer de mama em 2016. Sem sintomas, a detecção da doença só foi possível graças ao exame de toque, em casa. Foi aí que a Nádia notou que algo estava errado. “Notei que havia um caroço. Marquei uma consulta com a médica, e os exames acusaram um nódulo de três centímetros em meu seio direito. Por estar deste tamanho, de acordo com teorias da medicina, ele já estava em mim há cerca de três anos”, comenta.

A aposentada afirma que nunca deixou de se cuidar, que sempre fez a mamografia anualmente, e que o exame só acusou naquele momento a enfermidade, depois que realizou o exame em Vitória. O tratamento começou. Nádia fez oito sessões de quimioterapia e 30 de radioterapia, por 11 meses, e precisou passar por cirurgia para fazer o quadrante do seio. As idas e vindas a Vitória para o tratamento, sempre foram acompanhadas da família, o marido, o Gilberto, e os filhos, Virgínia, Mariana e Guilherme. “Recebi muito apoio deles e do restante dos meus familiares, isso é muito importante. Todos encararam de forma tranquila, da forma que tinha que ser”, fala.

Nádia narra que a parte mais difícil eram os efeitos colaterais da quimioterapia. A dor no corpo foi a que mais a fez sofrer, segundo ela, que também sentia enjôo, mal-estar e teve a queda de cabelo. “Meu cabelo cair não foi assustador, eu já tinha problema capilar. Quando vi que iria cair tudo, sentei na frente do espelho e penteei. O cabelo foi caindo nesse momento e pronto, resolvido, já estava careca e optei pelo uso do lenço”, fala.

Ainda em tratamento para o câncer de mama, a aposentada teve dois infartos. “Momentos difíceis, mas eu estou fazendo a minha parte, buscando tratamento e a fé. Retirei o quadrante do seio, venho enfrentando o que tem que ser, e como tem que ser. E podem ter certeza que já enfrentei coisa pior na vida do que essa doença. Por isso, aconselho, cuidem-se e busquem ajuda, busque tratamento e acreditem na cura, na melhora”, diz.

» Nádia Toscano garante que já passou por situações piores na vida. “Cuidem-se e busquem tratamento”, diz

O toque pode ajudar

A agente de saúde, Zilma Delabela, é uma das responsáveis por auxiliar na saúde da mulher, em algumas ruas que fazem parte do Postinho do Bonfim. Ao total, são cerca de 175 mulheres, que têm o preventivo agendado com horário e dia marcado pela Zilma, que passa de casa em casa para realizar seu trabalho. “Não tem idade para começar o preventivo, desde que tenha vida sexual ativa”, diz a agente. Já a mamografia, é realizada a partir dos 40 anos, marcada através de uma triagem pela enfermeira do postinho.

Ambos exames no Sistema Único de Saúde (SUS) são agendados a cada dois anos. “Sempre alerto para a importância do autoexame, que as mulheres não deixem de realizar a cada mês, é simples e rápido e pode salvar vidas. Muitas pacientes já descobriram que algo estava errado, a partir do autoexame, é de total importância. Tem gente que diz que não tem tempo. Faça no banho, ou quando estiver deitada. O simples toque pode ajudar ao diagnóstico precoce”, ressalta.

» A agente de saúde, Zilma Delabela, afirma que indica o autoexame durante as visitas que realiza nas residências

Autoexame após menstruação

De acordo com a ginecologista e obstetra, Andrea Negreli Brasil Bonatto, o câncer de mama é a principal causa de morte entre as mulheres e o autoexame das mamas ajuda na detecção precoce dessa patologia. “Ele deve ser realizado uma vez por mês, após o período menstrual. A mulher pode perceber o aparecimento de nódulos ou outras alterações palpáveis e assim, procurar auxílio médico”, explica.

A médica relata que, a mamografia é o exame mais importante para o rastreamento de câncer de mama e o primeiro exame deve ser realizado a partir dos 40 anos, anualmente. “Alguns protocolos indicam a realização a partir de 50 anos, a cada dois anos, até os 69 anos”, fala.

Andrea relata, ainda, que durante o autoexame, o que pode ser sinal de alerta: “Vermelhidão, endurecimento e percepção de caroços e retração do mamilo”, explica.

» “O que pode ser sinal de alerta: vermelhidão, endurecimento, percepção de caroços e retração do mamilo”, explica ginecologista e obstetra, Andrea Negreli Brasil Bonatto

Outubro Rosa

O Outubro Rosa, mês de combate ao câncer de mama, vem não apenas para alertar, mas para conscientizar sobre a importância da prevenção, e chamar a atenção para mulheres, que já venceram ou vencem diariamente essa luta, com muita força e resiliência.

De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca), órgão vinculado ao Ministério da Saúde, a estimativa é de que o Brasil terá mais de 66,2 mil novos casos de câncer de mama em 2020. Segundo o órgão, houve ainda uma queda de 84% no número de mamografias feitas no país durante a pandemia do novo coronavírus, em comparação ao mesmo período do ano passado.

» Faça o autoexame, ele pode salvar muitas vidas

Fonte: Cintia Zaché / redenoticiaes

Leia mais

Em uma semana, cinco cargas de cerveja sem nota fiscal são apreendidas no Espírito Santo

Para a Receita Estadual, a prática pode estar sendo adotada por comerciantes como forma de aumentar os lucros durante a pandemia. Na mesma semana, cinco...

Fluminense tenta espantar a má fase pós-pandemia contra o Botafogo

Aliados na posição contrária ao retorno do futebol carioca em meio à pandemia do novo coronavírus, Botafogo e Fluminense medem forças dentro de campo neste domingo, às 16h (de...

Espírito Santo chega a 2.490 mortes e 64.239 curados em mais de 80 mil casos Coronavírus

O Espírito Santo registrou, até esta quarta-feira (29), 2.490 mortes por Covid-19. O número de casos confirmados chegou a 80.647. O índice de letalidade...

Leia também

Enivaldo ameaça rescindir contrato de clinica contratada pela prefeitura

Em meio ao crescimento do número de pessoas...

Vila Pavão: Bolinha anuncia os primeiros secretários municipais

Wantuil Schraiber, o Tuíla (PROS), assumirá a secretaria de Esportes e Lazer e Valdecir Berger a secretaria de Finanças e Orçamento O prefeito eleito de...

Vendedor de veículos colatinense sofre grave acidente automobilístico em São Domingos do Norte

Nesta quinta-feira (03), por volta de 16h00min, o vendedor de carros Bruno Fabiano Dias, foi entregar uma Chevrolet S10 branca para um cliente que...

“Nossa maior marca nessa administração foi a transparência”, diz Arnóbio

Reeleito em Pinheiros com 6.831 votos (52,22% dos votos válidos), Arnóbio Pinheiro (Cidadania), terá nas mãos a oportunidade de chefiar o município por mais...