Número de contratações com carteira assinada foi superior ao de demissões em abril, diz Caged

Segundo o Ministério da Economia, em abril, foram gerados 120.935 postos de trabalho, indicando que o número de trabalhadores contratados com carteira assinada foi superior ao de demitidos, embora a geração de postos de trabalhos formais tenha ficado abaixo do resultado do mês de março.

Desemprego no Rio de Janeiro: MPs que sugerem flexibilizações trabalhistas podem ser a solução na pandemia

Alternativas trabalhistas previstas na MP 1046 são adequadas para momento atual e para o futuro

Os dados fazem parte das estatísticas mensais do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Novo Caged) e o destaque foi para o setor de serviços, que gerou 57.610 postos de trabalho. Com o resultado, o estoque de empregos formais no país apresentou uma variação positiva de 0,30% em relação ao mês de março.

Segundo o ministro da Economia, Paulo Guedes, “o Brasil está mostrando resiliência. Os programas estão funcionando. E a vacinação em massa está entrando.”

Foto: Marcello Casal Jr/Agência BrasilFoto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil


Leia mais

Leia também