Número de candidatos indígenas saltou 26,8% em relação ao pleito de 2016

O número de candidatos indígenas para as Eleições Municipais de 2020 aumentou 26,8% na comparação com o pleito de 2016. O portal Brasil61.com fez o levantamento com base nas estatísticas do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), desta sexta-feira (9). Há quatro anos, 1.715 autodeclarados índios se candidataram, ante os 2.176 registrados este ano.

A quantidade de candidaturas indígenas corresponde a 0,39% do total de candidatos registrados junto à Justiça Eleitoral, percentual bem próximo ao tamanho dessa população no país. De acordo com o último Censo do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), 0,4% dos brasileiros — cerca de 817 mil pessoas à época — se declaravam índios. Enquanto a participação indígena na corrida eleitoral cresceu 26,8%, a de candidatos, em geral, subiu 10,7%. 

Márcio Santilli, sócio fundador do Instituto Socioambiental (ISA), destaca o engajamento cada vez expressivo das comunidades indígenas no cena política brasileira e ressalta que as eleições municipais são uma grande oportunidade para os povos tradicionais. 

“É crescente a participação dos índios nos processos político e eleitoral brasileiro nos últimos anos. Essa eleição é uma oportunidade de avanço significativa por parte dos índios na sua representação local, apesar das condições especiais do processo eleitoral em meio à pandemia da Covid-19”, avalia. 

A exemplo de 2016, todos os 26 estados do país têm indígenas concorrendo para os cargos de prefeito, vice-prefeito ou vereador. O Amazonas, estado que possui um terço das localidades indígenas no país, destaca-se com 492 candidaturas. Em 2016, foram 355. Em seguida, vêm Mato Grosso do Sul (216), Roraima (148), Bahia (134) e Rio Grande do Sul (130).  

Na lista dos cinco estados com mais candidatos, quatro regiões do país estão representadas. Santilli reforça que a maior participação de índios nas eleições não é exclusividade de alguns estados ou etnias. “Evidentemente, essa é uma presença tanto maior, quanto maior é a população indígena em cada local, como no Amazonas e em Mato Grosso do Sul. Mas vimos no Nordeste e no Sul do país, em várias regiões, esse movimento crescente de participação dos índios no processo eleitoral. Não é um privilégio de uma etnia, acontece em relação a todos.”

Eleições 2020: Total de candidaturas bate recorde neste ano, com mais de 542 mil inscritos

2.670 estrangeiros irão concorrer às eleições deste ano

IBGE antecipa base de dados sobre indígenas e quilombolas para facilitar enfrentamento a Covid-19

Motivação

Para especialistas, a eleição de Joênia Wapichana para deputada federal, representando o estado de Roraima, tem um grande peso no crescimento de candidaturas indígenas neste ano. “É uma deputada federal que tem dado uma visibilidade muito grande a questão indígena e aos problemas enfrentados por eles em todas as regiões do país. O exemplo dela motiva a participação dos índios em vários estados brasileiros”, afirma Santilli. 

Levantamento do Instituto Socioambiental (ISA) aponta que em 2016, foram eleitos 169 vereadores, 10 vice-prefeitos e seis prefeitos. Com mais candidatos registrados, a expectativa é que um novo recorde se estabeleça. 

Além dos cases de sucesso recente, o maior número de registro de candidatos indígenas pode ser explicado pela atuação de lideranças e movimentos representativos. Em 31 de agosto, por exemplo, a Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (APIB) divulgou uma carta em que convidava os indígenas a se candidatarem. 

A Apib lançou, nesta sexta-feira, a plataforma Campanha Indígena, uma mobilização para viabilizar e fortalecer candidaturas de índios nas eleições 2020.

Pleito

Adiadas pelo Congresso Nacional por causa da pandemia da Covid-19, as eleições municipais deste ano vão ocorrer nos dias 15 e 29 de novembro, datas do primeiro e do segundo turno. Cidadãos de 5.568 municípios vão escolher os seus representantes para os cargos de prefeito, vice-prefeito e vereador. 

Agência Brasil

Leia mais

ES: homem invade barbearia, mata cliente que cortava cabelo e fere barbeiro

Um homem armado invadiu uma barbearia no início da noite desta sexta-feira (9), matou um cliente que cortava o cabelo e feriu o barbeiro....

Aulas não presenciais devem começar ainda neste mês em Nova Venécia

Atividades serão enviadas por e-mail, Whatsapp ou de...

Data de votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias no Congresso ainda é incerta

A pandemia ocasionada pelo novo coronavírus já produz prejuízos para o exercício econômico-financeiro de 2021, que segue indefinido. Isso porque a Lei de Diretrizes...

Gestores municipais precisam preencher mensalmente formulário eletrônico para evitar suspenção da bolsa-formação

Os gestores municipais que contam com profissionais do Mais Médicos para o Brasil em atividade precisam preencher mensalmente um formulário eletrônico para registro dos...

Leia também

Inmet emite alerta vermelho de chuva forte e ventos de até 100 km/h para o Norte e Noroeste do ES

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu neste domingo (25) um novo alerta vermelho de chuvas intensas para parte do Espírito Santo. O aviso meteorológico...

Confusão! Jovens marcam briga em shopping de Vila Velha e assustam frequentadores

Um grupo de jovens se envolveu em uma...

Centro-Oeste terá chuva em boa parte da região, nesta segunda (26)

No Centro-Oeste, a partir desta segunda-feira (26) a chuva ganha ainda mais força no sul de Mato Grosso do Sul, por influência das instabilidades...

O TEMPO E A TEMPERATURA: Sudeste do país tem previsão de tempo com chuva, nesta segunda-feira (26)

Previsão de tempo com chuva na região Sudeste do país, nesta segunda-feira (26). Atenção para um ciclone subtropical que deve se intensificar nos próximos...