Nova Zelândia mantém controle sobre pandemia e vacinação em massa será feita no 2º semestre • SiteBarra

Nova Zelândia mantém controle sobre pandemia e vacinação em massa será feita no 2º semestre


A Nova Zelândia, considerado um dos países mais exitosos no controle da pandemia de Covid-19 em nível mundial, deverá iniciar a vacinação em massa da sua população somente a partir do segundo semestre deste ano. Medida está ligada a adoção de uma política de prevenção, rastreamento dos casos e de isolamento batizada de “go hard, go Early (seja duro, haja cedo)”, que foi implantada pelo governo da primeira-ministra Jacinda Ardern. 

“Como a Nova Zelândia está usando uma estratégia de eliminação do vírus para controlar a Covid-19, há menos urgência para vacinar a população do que em países onde a pandemia é muito intensa e um grande número de pessoas está sendo infectado e morrendo a cada dia”, disse o  professor da Universidade de Otago e um dos principais epidemiologistas do país, Michael Baker, ao jornal O Globo

Desde o início da pandemia, a Nova Zelândia registrou 2.495 casos de contaminação e 26 mortes por Covid-19, segundo dados da Universidade Johns Hopkins.  A taxa de infecção de 51 por 100 mil, também é uma das menores do mundo. A meta do governo neozelandês é imunizar 90% da população até dezembro de 2021. Até o momento, a vacina desenvolvida Pfizer-BioNTech é a única aprovada pela Medsafe, a agência de vigilância sanitária do país.

(Foto: REUTERS)