Morte de empresário que caiu de parapente no Espírito Santo está sendo investigada pela Polícia Civil

Luiz Bessa, de 34 anos, morreu neste domingo (12), em Viana. De acordo com a Federação Capixaba de Voo Livre, o piloto do parapente, Gleidis Amorim de Azevedo, não é cadastrado pelo órgão.


A Polícia Civil do Espírito Santo investiga o que causou a queda do empresário Luiz Bessa, de 34 anos, de um parapente durante um voo duplo, em Viana, neste domingo (12). A vítima não resistiu aos ferimentos e morreu. De acordo com a Federação Capixaba de Voo Livre, o piloto do parapente, Gleidis Amorim de Azevedo, não tem registro cadastrado no órgão.

O acidente aconteceu por volta das 11h de domingo, depois que Luiz e Gleidis saltaram da Rampa do Urubu, em Viana. Antes do voo, Luiz gravou um vídeo falando sobre a altura do salto.

Um outro vídeo, gravado momentos depois por pessoas que estavam na rampa de voo livre, mostra quando Luiz cai do parapente. O Corpo de Bombeiros foi acionado e encontrou o corpo do empresário em uma região de mata.

Corpo de homem que morreu depois de cair de parapente é levado para DML de Vitória  — Foto: Danielle Cariello/ TV Gazeta
Corpo de homem que morreu depois de cair de parapente é levado para DML de Vitória — Foto: Danielle Cariello/ TV Gazeta

 

Gleidis conseguiu pousar e não se feriu. A Polícia Civil informou que o piloto compareceu à Delegacia Regional de Cariacica espontaneamente, onde foi ouvido e liberado após prestar esclarecimentos.

O caso foi encaminhado para investigação no 18º Distrito de Polícia Civil, para uma melhor apuração dos fatos. Uma perícia técnica realizada no parapente deve esclarecer se houve falha técnica ou se o acidente foi uma fatalidade.

O presidente da Federação Capixaba de Vôo Livre, Marx Loureiro, disse que não há registro de Gleidis como piloto federado do órgão. Mas, segundo ele, só depois de uma investigação será possível dizer se houve erro humano.

“Chegou para mim a informação que o piloto que estava voando com o passageiro era amigo dele. Quanto aos motivos e causas, a gente não pode afirmar o que aconteceu. Somente a perícia vai determinar o que houve, se foi um desconexão, se o mosquetão soltou, falha humana, ruptura em alguma parte do equipamento. Está muito recente ainda”, disse.

O corpo de Luiz Bessa está sendo velado pela família em um cemitério do município de Cariacica e será enterrado nesta segunda-feira (13).

Empresário Luiz Bessa morreu após cair de parapente, no ES — Foto: Arquivo Pessoal
Empresário Luiz Bessa morreu após cair de parapente, no ES — Foto: Arquivo Pessoal

 

Leia mais

Jovem é atropelado por motociclista no centro de Barra de São Francisco

Neste sábado, 18/07/2020, por volta das 23 horas, aconteceu um acidente no centro de Barra de São Francisco, tendo como vítima Erick Duarte Mendes,...

O TEMPO E A TEMPERATURA: Sul do país tem tempo parcialmente nublado, neste sábado (18)

A região Sul do país tem tempo com névoa que depois dá lugar ao sol entre nuvens, neste sábado (18), no leste do Rio...

Mulheres que comandam unidades prisionais capixabas

Gestão humanizada e compromisso com as leis são palavras de ordem no dia a dia de mulheres que...

Leia também

Funcionário do Detran é preso suspeito de obter vantagem com emplacamento no ES

Um funcionário do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-ES)...

O TEMPO E A TEMPERATURA: Região Nordeste do País tem previsão de chuva no litoral nesta quinta-feira (22)

A previsão do tempo para esta quinta-feira (22) no Nordeste do País é de chuva nos extremos da região. Pode chover de forma fraca...

O TEMPO E A TEMPERATURA: Centro-Oeste terá chuvas espalhadas em grande parte da região, nesta quinta (22)

A previsão do tempo para o Centro-Oeste brasileiro nesta quinta-feira é de chuva em grande parte da região. Os acumulados diminuem em relação aos...