Moradores dormem em fila à espera de 2ª dose de CoronaVac no ES

Centenas de pessoas passaram a madrugada desta terça-feira (18) em uma fila para receber a segunda dose da vacina CoronaVac, contra Covid-19, em unidades de saúde de Aracruz, no Norte do Espírito Santo.

Imagens feita por um morador mostra dezenas de pessoas esperando a chegada de novas doses da vacina na unidade de saúde do bairro Guaxindiba. Com o céu ainda escuro, idosos aguardavam dentro de carros, em cadeiras plásticas e alguns cobertos por mantas no estacionamento da unidade.

Outra imagem, com o dia já claro, é possível ver a quantidade de pessoas que aguardavam o imunizante.

A dona de casa Maria José Dutra contou que chegou na unidade de saúde às 3h e foi vacinada por volta de 9h30. Outra moradora, que levou a mãe para receber a segunda dose do imunizante, disse que chegou no mesmo horário que Maria e eram os moradores que organizavam a fila de vacinação.

“Tinha uma pessoa organizando a senha. Quando foi 5h organizamos uma fila para que, quando fosse 7h e os trabalhadores da saúde chegassem, eles dessem a senha oficial. E deu tudo certo”, contou a autônoma Josinete Tonon.

Secretaria de Saúde

A secretária de Saúde de Aracruz, Bernadete Coelho Xavier, disse que a prefeitura registrou aglomeração de moradores em quatro unidades de saúde do município. Cerca de 1.900 pessoas que tomaram a primeira dose de CoronaVac no município aguardavam para receber a segunda dose.

Na unidade de saúde onde o vídeo foi registrado, a prefeitura disse que 450 pessoas receberiam a dose em atraso. A secretária de Saúde, no entanto, disse que não era necessário passar a noite na fila, uma vez que o órgão segue o critério de idade para completar os esquemas de vacinação que estão em aberto.

O município orientou ainda que, antes de seguir para uma unidade de saúde, o cidadão deve fazer contato com a unidade para obter informações sobre o dia e horário da vacinação.

Faltam doses

O Espírito Santo, assim como o Brasil, sofre com o desabastecimento da vacina CoronaVac. Sem insumo para a produção de novas doses, o Instituto Butantan suspendeu a fabricação do imunizante.

Na madrugada desta terça, o estado recebeu 99,6 mil novas doses de CoronaVac para serem distribuídas aos municípios. No entanto, a remessa não é suficiente para atender todos que estão com o esquema de vacinação em aberto. Segundo documento enviado pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa-ES) ao Ministério da Saúde na última sexta (14), eram necessárias 152.787 doses.

Novas doses

O Espírito Santo recebeu, nesta madrugada, um novo carregamento com 191.340 doses de vacinas contra Covid-19, sendo 99,6 mil vacinas de CoronaVac, 77,7 mil doses da AstraZeneca e 14.040 doses da Pfizer

As doses da AstraZeneca serão usadas para dar continuidade à vacinação da primeira dose de pessoas com comorbidades e de trabalhadores da educação, além do envio de segundas doses para público idoso de 65 a 69 anos.

Já as da Pfizer serão enviadas para a primeira dose de gestantes e de mulheres em período pós-parto, além de pessoas com comorbidades.

Informações: G1


Leia mais

Leia também