Morador de Nova Venécia precisa de ajuda para tratamento que pode o livrar da cadeira de rodas • SiteBarra

Morador de Nova Venécia precisa de ajuda para tratamento que pode o livrar da cadeira de rodas

 

O veneciano, João Victor Sélia, 22 anos, está precisando de ajuda para pagar tratamento e consultas em São Paulo. João Victor perdeu, de forma total, os movimentos da cintura para baixo.

De acordo com sua mãe, Luciana Selia, a família não sabe o valor, já que todo procedimento será feito na rede particular, pois o rapaz não conseguiu realizar o tratamento pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

João Vitor tem consulta agendada em São Paulo no mês de fevereiro, que custa R$ 1 mil, e segundo Luciana, os custos são altos. “Iremos fazer a prestação de contas depois. Se sobrar, iremos doar. Não sei se o tratamento irá custar R$ 30 mil, R$ 60 mil, ou pode ser mais. Se ele for fazer a cirurgia, custa em torno de R$ 100 mil”, explica.

Segundo a mãe, o filho começou a ter os sintomas após tomar a segunda dose da vacina Astrazeneca. Ela conta que mesmo não tendo a comprovação de que foi a vacina, ela acredita ter sido. Luciana relata que um trombo fez a artéria sangrar na médula, devido a uma Malformação Arteriovenosa Medular (MAV), que o João Vitor já nasceu com ela.

Estudante do 8° período de medicina da UFES, o veneciano recuperou os movimentos, mas precisa do tratamento, porque a qualquer momento ele pode ter um novo sangramento e ficar paraplégico. “O que está acontecendo com João Victor é algo raro. Uma das pernas ele ainda não sente nada, não está sendo fácil”, relata a mãe.

João Victor também é filho de Ricardo e neto de Francisca e Lulu Selia ( In memória).

Para quem puder ajudar o veneciano, o PIX é: 27996077969