MOBILIDADE URBANA: Governo Federal, gestores e entidades discutem marco legal do setor

Compartilhe

O Ministério do Desenvolvimento Regional, o MDR, participou nesta semana da segunda reunião ordinária do Fórum Consultivo da Mobilidade Urbana. A principal pauta foi a discussão de um marco regulatório para o setor.

Sandra Holanda, secretária nacional de Mobilidade e Desenvolvimento Regional e Urbano do MDR, explica a importância de se debater esse marco legal. “Foi um momento importantíssimo do nosso Fórum, em que todas as entidades participantes tiveram conhecimento dessa minuta de proposta e puderam dar as primeiras contribuições para que essa proposta seja construída de forma mais participativa”.

O Fórum Consultivo da Mobilidade Urbana foi criado em setembro do ano passado. Ele reúne o MDR e outras 11 órgãos do governo federal e entidades setoriais.

 

Funcionamento

 

O Fórum Consultivo da Mobilidade Urbana tem como função assessorar a Secretaria Nacional de Mobilidade e Desenvolvimento Regional e Urbano (SMDRU) do MDR em ações relacionadas às políticas públicas de mobilidade urbana. São três vertentes: avaliação dos serviços de transporte público coletivo urbanos, intermunicipais de caráter urbano e metropolitanos de passageiros; proposição de ações, programas, estudos e projetos; e promoção de intercâmbio de informações sobre experiências nacionais e internacionais relativas ao setor.

A função de secretaria-executiva do Fórum é exercida pela SMDRU e o secretário nacional de Desenvolvimento Regional e Urbano exerce o papel de presidente da instância. O colegiado é composto por um representante e um suplente de 12 órgãos e entidades: MDR, Ministério da Economia, Frente Nacional de Prefeitos (FNP), Confederação Nacional de Municípios (CNM), Fórum Nacional de Secretários e Dirigentes Públicos de Mobilidade Urbana, Conselho Nacional de Secretários de Transporte (Consetrans), Associação Nacional de Transportes Públicos (ANTP), Associação Nacional dos Transportadores de Passageiros sobre Trilhos (ANPTrilhos), Associação Nacional das Empresas de Transportes Urbanos (NTU), Confederação Nacional dos Trabalhadores em Transportes Terrestres (CNTTT), Associação Nacional dos Fabricantes de Ônibus (Fabus) e Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec).

O Fórum Consultivo se reunirá a cada quatro meses, de forma ordinária. Nos casos em que o presidente julgar necessário, serão feitas convocações extraordinárias. A participação no colegiado será considerada prestação de serviço público relevante, não remunerada.
 

Foto: MDR/divulgaçãoFoto: MDR/divulgação

Leia também

Sine de Barra de São Francisco tem 30 vagas de emprego; confira

  A agência do Sine em Barra de São Francisco, abre a semana com 30 oportunidades de empregos formais. Algumas...

Etapa dos Jogos Escolares em Barra de São Francisco foi um sucesso!!! Confira as fotos (06)

Confira na galeria de fotos quem marcou presença na Etapa Regional dos Jogos Escolares em Barra de São...

Daniel Comboni de Ecoporanga é campeã de handebol infantil em Barra de São Francisco

Em um jogo eletrizante, a equipe da escola Daniel Comboni de ECOPORANGA sagrou-se campeã dos jogos escolares regional...

Tempo frio: água de nascente congela em parque do Espírito Santo

Um vídeo mostra que o frio congelou a água de uma nascente no Parque Nacional do Caparaó, entre...

Carro bate em palmeira e arranca árvore do lugar em Nova Venécia

Um acidente foi registrado na manhã desta segunda-feira, 23, na reta do bairro Aeroporto, em Nova Venécia. Segundo...

Passador de gado é construído pela prefeitura de Barra de São Francisco no Córrego do Itá

Funcionários da Secretaria de Transportes e Estradas da prefeitura de Barra de São Francisco, fizeram no ultimo sábado...

Avenida Adelino Coimbra terá calçadão e passarelas interligando ruas

Desde que a Prefeitura de Barra de São Francisco, através de suas secretárias, começou o projeto de requalificação...