Ministério da Saúde inicia compras de anestésicos e relaxantes musculares

cartelas de comprimidos

Mesmo sem ser o responsável pelos estoques, Ministério da Saúde fez a contratação de anestésicos e relaxantes musculares para ajudar no abastecimento de Estados e Municípios
– Foto:
Banco de Imagens

O uso de anestésicos e relaxantes musculares na intubação de pacientes graves de Covid-19 fez com que o Ministério da Saúde contratasse, ao mesmo tempo, três modalidades de compra destes medicamentos, que são utilizados pelos hospitais de referência nos planos de contingência para o combate à Covid-19.

Segundo o Ministério da Saúde, a seleção, a aquisição e a distribuição desses medicamentos são de responsabilidade dos municípios ou dos próprios hospitais. No entanto, ao tomar conhecimento sobre o desabastecimento desses medicamentos, a pasta iniciou compras de urgência e de médio e longo prazo.

Medicamentos

A primeira providência da pasta foi a compra direta da indústria para atender a atual urgência. De acordo com o secretário-executivo do Ministério da Saúde, Elcio Franco, foi realizada uma requisição administrativa para abastecimento imediato dos estados e municípios, verificando antecipadamente o estoque excedente da indústria farmacêutica.

“Tomamos o cuidado de utilizar apenas o quantitativo excedente para que não houvesse desabastecimento do mercado interno”, explicou Elcio Franco. Nessa segunda-feira (29), o Ministério da Saúde já distribuiu 185 mil unidades desses anestésicos e relaxantes musculares para os estados do Amazonas, Amapá, Bahia, Ceará, Goiás, Mato Grosso, Pará, Pernambuco, Rio Grande do Norte e São Paulo.  

Para atender as necessidades de médio prazo, foi definido o início de um processo licitatório na modalidade pregão, do tipo menor preço, pelo Sistema de Registro de Preços (SRP), para viabilizar a compra pelos estados e suas capitais. Segundo o secretário-executivo, a medida possibilitará que estados e municípios sejam co-participantes e realizem a compra por um valor reduzido, devido a aquisição em grande escala.

“Os medicamentos serão entregues no almoxarifado do Ministério da Saúde, em São Paulo, e enviados aos estados e capitais que aderirem à compra”, explicou Elcio Franco. A decisão ocorreu durante reunião no Ministério Público com a participação do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) e do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems).

Já para solucionar as necessidades de médio e longo prazo, o Ministério da Saúde fez interlocução com a Organização Pan-Americana de Saúde (Opas) para importação dos medicamentos que a indústria brasileira não conseguir recolocar. A aquisição desses medicamentos pela pasta irá complementar o abastecimento do setor farmacêutico, contribuindo para a regularização desses anestésicos e relaxantes musculares nas unidades de referência dos planos de contingência para o combate à Covid-19.

 

Leia mais

O TEMPO E A TEMPERATURA: Sudeste do país tem tempo predominantemente aberto, neste sábado (15)

Previsão de tempo aberto na maior parte da região Sudeste do país, neste sábado (15). No leste, sul e Região Metropolitana de São Paulo,...

Morre em Vitória Dona Mariquinha vítima de um câncer após 14 anos de Tratamento

Morreu na tarde desta sexta-feira por volta das 13h0min com 55 anos de idade a dona...

Governo já habilitou 2.644 leitos de UTI para atendimento exclusivo de pacientes com Covid-19

Leitos são para atendimento exclusivo de pacientes com Covid-19 – Foto: Unsplash/Banco...

Grupo de Arbitragem se destaca no Regional da Colheita em Bom Destino

Sempre criticado e saindo como vilão, assim é a vida de um árbitro de futebol, e...

Leia também

Equipe do SESI Goiás é premiada em torneio nacional de robótica focado no combate à Covid-19

Alunos da Escola SESI Planalto, em Goiânia, foram premiados no Torneio SESI de Robótica – Desafio Covid-19. O torneio nacional contou com quase dois...

Com sistema sanitizante para estabelecimentos comerciais, equipe do SESI Barra Bonita é premiada em torneio nacional de robótica

A pandemia de Covid-19 trouxe junto a ela a necessidade de higienização de mercadorias, já que o coronavírus pode sobreviver por vários dias na...

BA: Projeto de esterilização de livros por ozônio é premiado em torneio nacional de robótica com foco no combate à pandemia

Com o objetivo de reduzir o impacto causado pela Covid-19 no empréstimo de livros, a equipe Robolife, do SESI Candeias, na Bahia, desenvolveu uma...

Sancionada lei que aumenta punição para maus-tratos de animais

A prática de abuso e maus tratos a animais será punida com pena de reclusão de dois a cinco anos, além de multa e...