Medicamento ineficaz contra a Covid: Austrália destrói cloroquina doada por bilionário


A Austrália destruiu cerca de cinco milhões de comprimidos de hidroxicloroquina, remédio ineficaz contra a Covid-19, doados, em 2020, pelo bilionário de extrema direita Clive Palmer, defensor do remédio e propagandista contra a vacina.

O estoque ficou parado por meses num galpão do aeroporto de Melbourne, após o governo australiano se recusar a receber a doação.

Palmer, bilionário do ramo da mineração, chegou a pagar anúncios em jornais que chamavam a droga de “cura contra a Covid”.