Mato Grosso do Sul entra em estado de emergência devido a incêndios no Pantanal

O governo federal reconheceu a situação de emergência nos municípios de Corumbá e Ladário, no Mato Grosso Sul, ocasionada em decorrências das queimadas que assolam o Pantanal, importante bioma brasileiro. O Ibama informou que o fogo já destruiu 1,1 milhão de hectares de vegetação no estado. Em 48 horas, o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) registrou 193 focos de incêndio.

Com o reconhecimento por parte da União de situação de emergência, o estado do Mato Grosso do Sul fica autorizado a realizar compras necessárias para combater as queimadas com dispensa de licitação e promover ações de socorro e assistência humanitária. 

MMA cria programa que valoriza quem preserva florestas nativas do país

A Força Aérea brasileira encaminhou aviões para jogar água nos locais do Pantanal sul-mato-grossense de difícil acesso. A Marinha também está ajudando bombeiros e servidores do Ibama que tentam controlar o incêndio.
 

Foto: Batalhão do Corpo de Bombeiros de Corumbá (MS)

Leia mais

Leia também