Manual apresenta dados do Eixo Proteção Social do Programa Estado Presente em Defesa da Vida

O Programa Estado Presente em Defesa da Vida é desenvolvido pelo Governo do Estado do Espírito Santo em todo o território estadual com o foco na defesa da vida, por meio de ações estratégicas e articuladas nos eixos policial e social. No que tange o Eixo de Proteção Social, que é coordenado pela Secretaria de Direitos Humanos (SEDH), o Instituto Jones dos Santos Neves (IJSN) criou um manual informativo com estatísticas, critérios e projetos para melhor entendimento dos trabalhos realizados.

 

 

No Eixo de Proteção Social, o objetivo é reduzir a vulnerabilidade juvenil à violência, viabilizar a inclusão social, gerar oportunidades de emprego e obtenção de renda, preservando garantias e direitos das pessoas, além de propiciar a transformação do território, através da mediação e mobilização social.

O manual do Eixo de Proteção Social começa fazendo um diagnóstico do perfil dos homicídios no Espírito Santo e, a partir disso, é apresentada a primeira experiência do Estado Presente: o compromisso com a vida.

O material também explica como é desenvolvido o Programa Estado Presente em Defesa da Vida, incluindo todas as secretarias envolvidas, bem como os municípios e bairros onde as ações foram priorizadas, com base nas estatísticas de violência.

Ao final do manual estão os projetos para o Eixo de Proteção Social, que estão divididos em oito grandes áreas de atuação: Desenvolvimento Social e Direitos Humanos; Educação, Ciência e Tecnologia; Saúde; Cultura e Esporte; Trabalho e Renda; Segurança; Infraestrutura; e Ação Integrada pela Cidadania.

Atualmente, dos 37 projetos previstos, mais de 20 estão em andamento, os quais atendem a promoção da Cidadania e Direitos Humanos, Educação, Segurança, Saúde, Cultura e Esporte, Infraestrutura, Trabalho e Renda. Entretanto, algumas ações precisaram ser paralisadas por causa da pandemia do novo Coronavírus (Covid-19).

“É importante a publicação desse manual porque permite que a população tenha conhecimento não só dos dados trazidos pelo IJSN, como também da estrutura do Eixo Social do Estado Presente e dos projetos que serão implantados”, explicou a secretária de Direitos Humanos, Nara Borgo.

Para o diretor de Integração e Projetos Especiais do IJSN, Pablo Silva Lyra, o sucesso do programa se dá pelo seu planejamento e implantação com base em evidências empíricas.

“De forma inovadora, o Programa Estado Presente agora também traz o planejamento e a concepção das ações do Eixo de Proteção Social em forma de manual. É um trabalho envolvido no âmbito da Secretaria de Direitos Humanos em parceria com a Secretaria de Economia e Planejamento e o Instituto Jones dos Santos Neves, que têm documentado todo o desenvolvimento desse eixo. É um trabalho de grande relevância para a sociedade capixaba que permite compreender as ações que estão sendo implementadas no Programa Estado Presente”, disse Pablo Lyra.

 

Leia mais

TRE capixaba fará audiência pública entre candidatos para combater fake news

    O Tribunal Regional Eleitoral do Espírito Santo (TRE-ES) vai promover uma audiência pública com os candidatos a prefeito de Vitória. A audiência será realizada na...

Médico que interrompeu gravidez de menina de 10 anos fala sobre protestos: “Nunca passei por isso”

Olímpio Barbosa é gestor do CISAM-UPE, em PernambucoO...

Em menos de 24 horas, PRF apreende cinco armas durante operação no Norte do ES

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu em menos...

Guarda-corpo é instalado em ponte com finalidade de proporcionar segurança

» Ponte contou com reforma e adequações, proporcionando acessibilidade e segurança aos pedestres ...

Leia também

Enivaldo vota a favor de novos cabos e ressalta justiça feita a PMs e Bombeiros

O deputado estadual Enivaldo dos Anjos, líder do...

TSE identifica e desmente fake news sobre urnas eletrônicas

A Coalizão para Checagem e o Comitê Estratégico, dois grupos voltados para o combate à desinformação nas Eleições 2020, identificaram notícias falsas sobre urnas...