Mais uma barreira sanitária é instalada na divisa com Minas Gerais

Iniciaram nesta segunda-feira (30), os trabalhos de controle sanitário em Baixo Guandu, na divisa com Minas Gerais. A ação está sendo realizada pelo Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf), em conjunto com a Polícia Militar, o Corpo de Bombeiros e a Secretaria da Saúde (Sesa).

A operação faz parte do conjunto de estratégias adotadas pelo Governo do Estado para prevenção e combate ao novo Coronavírus (Covid-19). Na última semana, o trabalho foi iniciado em Mimoso do Sul, Pedro Canário e Iúna e já foram abordados, aproximadamente, três mil veículos de carga, 2.500 carros e 60 ônibus.

Em Baixo Guandu, será desenvolvido o mesmo trabalho de aplicação de questionário, com perguntas sobre origem e destino da viagem, além de ser feita a medição de temperatura. Caso a pessoa apresente febre, é orientada a procurar uma unidade de saúde. O Idaf mantém sua fiscalização habitual quanto ao trânsito de cargas agropecuárias e florestais.

De acordo com o diretor-presidente do Idaf, Mário Louzada, foram designados dois servidores do Instituto, por turno, para atuação no local durante a pandemia. “As equipes estão fazendo um trabalho de parceria que muito tem agregado às ações de combate ao Coronavírus. É hora de unir esforços”, disse o diretor.


Leia mais

Leia também