Mais de 15 milhões de máscaras da China chegam ao Brasil

Avião fretado pelas Americanas

Avião da Latam com o carregamento vindo da China
– Foto:
Ministério da Infraestrutura

Mais de 15 milhões de máscaras cirúrgicas de três camadas, pesando 53 toneladas, adquiridas pelo Governo Federal, chegaram neste domingo (10) ao Aeroporto Internacional de Guarulhos (SP). Este é o primeiro voo com equipamentos de combate à Covid-19 fretado pela Americanas, em apoio ao Ministério da Infraestrutura (MInfra) e ao Ministério da Saúde.

É também a primeira de duas operações entre China e Brasil pagas pela empresa e realizadas pela LATAM Brasil para transportar 15 milhões de máscaras desse tipo.  

O voo JJ9519 decolou no sábado (9) às 16h de Xangai (hora local), com escala em Amsterdã, e aterrissou em Guarulhos às 7h10 de domingo (10). A carga foi transportada uma aeronave modelo Boeing 777, que percorreu mais de 18 mil quilômetros em cerca de 46 horas, passando por três fusos diferentes. O segundo voo Americanas-LATAM, que trará a outra parte da remessa de máscaras do Governo Federal, deve chegar a Guarulhos nesta segunda-feira (11).

O Ministério da Infraestrutura é responsável pela operação especial para trazer da China 960 toneladas de máscaras cirúrgicas e N95 compradas pelo Ministério da Saúde. Os equipamentos de proteção serão distribuídos aos estados. O MInfra vai fretar mais de 40 voos da Latam para trazer 240 milhões de máscaras ao País. O Ministério também está apoiando estados e prefeituras na logística e distribuição de equipamentos.

A Americanas já doou mais de R$ 45 milhões para auxiliar na saúde e logística de vários estados. A empresa criou ainda a rede de participação voluntária “Juntos Somos Mais Solidários”, por meio da qual os associados, fornecedores e parceiros estão ajudando idosos que vivem em mais de 1,1 mil residências especiais por todo o Brasil com kits de higiene e limpeza durante três meses. A Americanas ainda arrecadou R$ 2 milhões em doações de clientes pela Ame Digital, fintech e plataforma de negócios mobile, e está promovendo a campanha #apoieocomerciolocal, trazendo a oportunidade para que pequenos lojistas possam vender em um dos maiores e-commerces do Brasil.

Já a Latam Airlines Brasil, além da parceria logística com o Ministério da Infraestrutura e o apoio na distribuição de itens médicos nos estados brasileiros, também está transportando profissionais de saúde envolvidos no combate à pandemia, com isenção total da tarifa aérea. O objetivo da Latam com esta iniciativa é facilitar o acesso dos profissionais aos locais mais impactados. Dentro do Brasil, a Latam também segue contribuindo para o abastecimento dos estados com o transporte dos itens de combate à Covid-19. Desde 15 de março, já foram realizados mais de 130 voos para o transporte de cerca de 600 toneladas de materiais como medicamentos, testes, álcool em gel, máscaras, luvas, termômetros, respiradores e doações de alimentos.

 Fonte: Ministério da Infraestrutura 

Leia mais

Leia também