Lemão Vitorino nomeia assessores e cargos comissionados na Câmara

O presidente da Câmara de Barra de São Francisco para o biênio 2021-2022, vereador Lemão Vitorino do Paulista (PSD), anunciou no primeiro dia de mandato a nomeação de 13 assessores parlamentares – um para cada vereador, com salário líquido de R$ 1.538,00 – e os oito cargos em comissão da administração do Poder Legislativo. O Chefe de Gabinete da Presidência será Italo Henrique Gotara, que já trabalhou como assessor parlamentar de Lemão Vitorino no primeiro mandato

Houve mudança também na Procuradoria da Casa: o procurador Luciano Moura continuou, mas agora terá a companhia da advogada Anna Paula Delogo. A estrutura administrativa tem ainda um assessor de imprensa, cujo nome não foi anunciado, mais dois motoristas, uma recepcionista e dois cargos de assessor administrativo.

O servidor de carreira Joás Gomes vai responder pela Secretaria-Geral da Câmara, em lugar do servidor efetivo Elcimar de Souza Alves, que foi cedido ao Poder Executivo para exercer o cargo de secretário de Administração, escolhido pelo prefeito Enivaldo dos Anjos como “homem forte do Governo”.

Além dos oito cargos em comissão, o Legislativo municipal ainda tem nove servidores efetivos, que têm estrutura salarial diferente, com benefícios cumulativos por tempo de serviço. A Câmara se reúne às segundas-feiras, a partir das 17 horas. É o único dia em que tem expediente em tempo integral. Nos demais dias, o expediente é das 8 às 13 horas.

O orçamento do Poder Legislativo para 2021 é de R$ 5,180 milhões, praticamente o mesmo valor de 2020, quando o dinheiro não foi todo gasto e, no dia 31 de dezembro, a Casa devolveu R$ 901 mil ao Executivo, que poderá contar com esse reforço de caixa no início de gestão. O orçamento geral do Município aprovado para 2021 é de R$ 110 milhões.

Leia mais

Leia também