Lei que ‘proíbe cachorro de latir’ é aprovada por vereadores no Sul do Brasil

Uma lei que foi aprovada pela Câmara Municipal de Penha, cidade no interior de Santa Catarina, causou indignação nos moradores do local. Apresentada pelo vereador Everaldo Dal Posso (PL) a proposta proíbe cachorros de latirem.

De acordo com as informações do jornal Diário de Pernambuco, o tutor do animal, que poderá desembolsar até R$ 23 mil caso provoque ou não impeça o bicho de estimação de fazer barulho.

Alguns vereadores alegaram que só votaram a favor do projeto porque não leram o documento. A proposta, no entanto, foi vetada pelo prefeito do município, Aquiles da Costa (MDB).

Leia mais

Liberação de crédito emergencial no Banestes atinge marca de R$ 179,8 milhões

A liberação de crédito emergencial no Banestes permanece...

Toni Lemos tem plano de recuperação econômica para Alegre, no Sul do Estado

Cantor, que foi ídolo nos anos 70 a...

Armas e munições apreendidas e 217 suspeitos detidos na 4ª fase da Operação Sentinela

Com apoio do Ministério Público Estadual, a Polícia...

São Mateus confirma mais um caso de coronavírus

A Secretaria de Saúde de São Mateus, por...

Leia também

Nova Lei do Gás pode ampliar infraestrutura de gasodutos em Macaé

O Projeto de Lei (PL) 6407/2013, também conhecido como Nova Lei do Gás, pode abrir o caminho para ampliação da rede de gasodutos em...

Novo marco legal do mercado de gás natural deve aumentar oferta do produto em Niterói

O novo marco legal do mercado de gás natural deve aumentar a oferta do produto em Niterói, no Rio de Janeiro. Atualmente, o município...

Colatina: mulher é espancada na frente dos filhos e escreve bilhete para pedir socorro

Um homem, de 25 anos, foi detido após espancar e manter a esposa presa dentro de casa, em Colatina, no Noroeste do Espírito Santo....

Congresso Nacional estabelece R$15 bilhões extras para combate à pandemia

Mais R$15 bilhões de reais serão injetados na conta de estados, municípios e Distrito Federal para ajudar no combate à pandemia da Covid-19. É...