Lane Matos vence torneio de futevôlei e mira novo título do ranking nacional

Contemplada pelo programa Bolsa Atleta, da Secretaria de Esportes e Lazer (Sesport), Lane Matos conquistou, no último sábado (7), mais uma competição nacional de futevôlei. Atuando ao lado da também capixaba Rayana Servare, a dupla venceu o Circuito Futevôlei Brasil, em Goiânia.

A final do campeonato foi disputada contra a dupla Lana (DF) e Josy (RJ) e terminou com vitória capixaba por 2 sets a 0. Ao todo, foram seis jogos no torneio, com seis vitórias.

Campeã do ranking nacional em 2019, a dupla segue firme para repetir o desempenho em 2020. Até o momento, foram duas primeiras colocações e um segundo lugar nos três campeonatos disputados.

“O objetivo é realmente terminar o ano com mais um título do ranking nacional. No fim de novembro, nós temos mais uma competição e sabemos das nossas chances, mas é preciso ter atenção porque o futevôlei é um jogo muito rápido, que tudo pode acontecer”, conta Lane Matos.

Entre os dias 27 e 29 deste mês, as atletas capixabas têm mais uma competição pela frente: o Circuito Praia do Cerrado, da qual foram campeãs em 2019. Até lá, os treinos seguem fortes e intensos.

“Treinamos na areia duas vezes por semana, além de fazer musculação e corrida. Nas semanas que antecedem os torneios, fazemos jogos contra equipes masculinas também. É a forma que encontramos de manter o foco e fazer bons jogos”, explica Lane Matos.

Natação

Além de Lane, quem também se destacou no final de semana foi o nadador Lincoln Cunha. Contemplado na categoria estudantil do Bolsa Atleta, Cunha ganhou a medalha de bronze no Rei e Rainha do Mar, competição que foi disputada em Búzios, litoral do Rio de Janeiro.

Bolsa Atleta

Neste ano, o Programa Bolsa Atleta beneficia 121 atletas e paratletas de alto rendimento, com o auxílio financeiro mensal que varia de acordo com a categoria do atleta, dentro do edital, sendo R$ 500 (estudantil), R$ 1.500 (nacional), R$ 2 mil (internacional) e R$ 4 mil (olímpico). O investimento total da Secretaria de Esportes e Lazer no programa é de R$ 2,1 milhões.

O valor recebido pelo atleta pode ser utilizado para cobrir gastos com alimentação, assistência médica, odontológica, psicológica, nutricional e fisioterápica, medicamentos, suplementos alimentares, transporte urbano ou para participar de treinamentos e competições, além da aquisição de material esportivo.

 

Leia mais

Leia também