Keiko Fujimori provoca impasse com denúncia de fraude eleitoral


O Peru ainda não proclamou oficialmente a eleição de Pedro Castillo como novo presidente do país. Enquanto isso, os simpatizantes do líder progressista do Partido Peru Libre se mantêm mobilizados, em vigília, à espera da oficialização do triunfo eleitoral.

Apesar da vitória de Castillo constatada na apuração dos votos, Keiko Fujimori insiste nas  denúncias de fraude, informa a Telesul.

O Peru completou uma semana no domingo sem a oficialização pelas autoridades eleitorais de Pedro Castillo como o vencedor do segundo turno em 6 de junho, mergulhando o país na incerteza política e eleitoral.

Segundo o Escritório Nacional de Processos Eleitorais (ONPE), órgão eleitoral peruano,   Castillo obteve 50,14% dos votos e a direitista Keiko Fujimori 49,86%.

O fujimorismo pretende reverter o resultado eleitoral ao anular centenas de urnas com votos das regiões andinas que votaram a favor de Pedro Castillo. 

Castillo e Keiko

Castillo e Keiko (Foto: Reprodução)

Leia mais

Leia também