Kamala Harris: somos parte do legado de George Floyd, devemos honrá-lo


Em discurso, nesta terça-feira, 20, a vice-presidente dos Estados Unidos, Kamala Harris, celebrou a condenação do policial Derek Chauvin, que matou George Floyd no ano passado.

Harris afirmou que a condenação é um passo, mas ainda há trabalho a fazer para combater a violência policial. Ela insistiu que o Senado aprove a Lei George Floyd de Justiça no Policiamento, apresentada em agosto do ano passado.

“Precisamos reformar o sistema. Essa lei é parte do legado de George Floyd”, disse. “Somos todos parte do legado de George Floyd, é nosso dever honrá-lo”, afirmou.

“Americanos negros e homens negros em especial têm sido tratados como se fossem menos que humanos”, afirmou a vice. “Suas vidas precisam ser valorizadas em nossos sistemas educacional, de habitação, judiciário e na nossa nação”, ressaltou.

Policial condenado pela morte de Floyd

Chauvin foi considerado culpado em todas as três acusações de homicídio, conforme decidiram 12 jurados nesta terça-feira, 20. 

As acusações são de homicídio culposo; negligência ao assumir o risco consciente de causar a morte de Floyd; causar a morte, sem intenção, através de um ato perigoso, sem consideração pela vida humana.

O júri foi composto por seis jurados brancos, quatro negros, e dois que se identificaram como “de outras etnias”.

As discussões tiveram início na segunda-feira, 19, após o fim dos depoimentos de testemunhas, defesa e acusação no processo. Chauvin foi convidado a se apresentar, mas se recusou a depor no tribunal.

Leia mais

Leia também