Justiça solta advogada e namorado presos por homicídio em Sooretama, ES

Sara Rocha e Paulo Henrique Lourete foram presos em flagrante nesta segunda-feira (14) por morte do ex-namorado da advogada.

Por Ana Clara Morais, G1 ES

A Justiça do Espírito Santo concedeu à advogada Sara Rocha e ao namorado dela, Paulo Henrique Lourete, liberdade provisória no final da tarde desta segunda-feira (14). O casal é suspeito de tramar o assassinato do ex-companheiro da advogada, Alexandre Heite Nascimento.

A vítima foi morta com seis facadas na manhã desta segunda-feira (14), em Sooretama, no Norte do Espírito Santo. Os dois estavam presos em Linhares.

Segundo a investigação da Polícia Civil, o crime teria acontecido depois de uma briga entre os dois homens. Sara teria tramado o assassinato, atraindo o ex-namorado para o local do crime.

Sara Rocha, advogada, foi solta por determinação da Justiça — Foto: TV Gazeta

Sara Rocha, advogada, foi solta por determinação da Justiça — Foto: TV Gazeta

Na decisão que soltou os dois suspeitos, o juiz André Bijos Dadalto ressaltou que a advogado tinha uma medida protetiva contra o ex-namorado. O magistrado relata, ainda, que a versão dada pelo casal se difere da apresentada pela polícia.

Segundo o casal, a briga teria começado por provação da vítima. A advogada nega ter cometido qualquer ato contra a vítima e afirma, ainda, que o namorado agiu em legítima defesa, após ser ferido por Alexandre Nascimento. A vítima morreu com seis facadas.

Dadalto salientou ainda que o casal possui bons antecedentes criminais, além de trabalho e residência fixa.

O caso é investigado pela Polícia Civil de Linhares.


Leia mais

Leia também