Justiça mantém prisão de motorista que matou jovem em acidente no Espírito Santo • SiteBarra

Justiça mantém prisão de motorista que matou jovem em acidente no Espírito Santo

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) manteve a prisão de Wagner Nunes Paulo, motorista envolvido no acidente que matou a jovem Amanda Marques Pinto, de 20 anos, em abril deste ano. A moto em que Amanda e o namorado estavam foi atingida pelo carro na Avenida Darly Santos, em Vila Velha, na Grande Vitória.

O casal foi arrastado por mais de 50 metros. Amanda morreu na hora. O companheiro dela, Mateus José Silva, de 23 anos, ficou por 10 dias. As investigações apontam que o motorista estava embriagado e dirigindo a 135 km/h no momento em que atingiu a moto e não socorreu as vítimas. Ele responde por homicídio e está preso desde o dia do acidente.

Em setembro, outra decisão da Justiça negou um pedido de liberdade provisória da defesa do acusado.

Na decisão liminar, do dia 17 de novembro, que mantém Wagner Nunes Paulo na prisão, o ministro do STJ Antônio Saldanha Pinheiro considera os indícios de que, no dia do acidente, o próprio Wagner, familiares dele e até policiais civis mexeram na cena do crime.

Amanda Marques, de 20 anos

Amanda Marques, de 20 anos