Justiça condena mãe e filha pelo assassinato de agricultora no interior do Espírito Santo • SiteBarra

Justiça condena mãe e filha pelo assassinato de agricultora no interior do Espírito Santo

Apontadas como as mandantes do assassinato da agricultora Thamires Lourençoni Mendes em novembro de 2019, Sulamita de Almeida e a filha Flávia de Almeida foram condenadas pela Justiça. A informação é da TV Gazeta.

De acordo com a decisão divulgada nesta quinta-feira (2), enquanto a mãe foi sentenciada a 30 anos de prisão, a filha recebeu uma pena de 20 anos. Wilson Roberto Barcelos, que é acusado de ser o executor do crime, também foi condenado a 23 anos de reclusão.

Thamires foi assassinada aos 27 na rodovia ES-164, em Vargem Alta, no Sul do Espírito Santo, quando seguia com o marido em um caminhão. Na estrada, um carro de passeio emparelhou com o veículo e dois homens armados abordaram o casal e atiraram contra a agricultora. A ação foi registrada por uma câmera de segurança. Thamires foi socorrida, mas não resistiu aos ferimentos.

Em fevereiro de 2020, a Polícia Civil concluiu o inquérito do caso, descartando a hipótese inicial de latrocínio (roubo seguido de morte).

As investigações apontaram que o crime foi planejado por Sulamita, que é madrasta do marido de Thamires, Gedson Batista, e por Flávia.

A motivação seria um triângulo amoroso entre a vítima, o marido dela e Flávia. O texto da decisão explica que Flávia seria apaixonada por Gedson e que os dois mantiveram um relacionamento amoroso, que nunca foi assumido. Após o homem terminar a relação, Flávia começou a ter pensamentos suicidas, o que teria levado ela e a mãe a planejar o crime. Elas foram presas em dezembro de 2019.

Wilson, que foi contratado por mãe e filha para executar o assassinato, foi preso em junho de 2020 na cidade de Cachoeiro de Itapemirim.

Wilson Roberto Barcelos, Sulamita e Flávia Almeida foram condenados pela morte de agricultora em Vargem Alta, ES

Wilson Roberto Barcelos, Sulamita e Flávia Almeida foram condenados pela morte de agricultora em Vargem Alta, ES

Thamires Lourençoni Mendes foi assassinada em Vargem Alta, ES

Thamires Lourençoni Mendes foi assassinada em Vargem Alta, ES