Justiça cassa mandato de quatro vereadores de cidade capixaba

O juiz da 51ª Zona Eleitoral de Rio Bananal, Wesley Sandro Campana dos Santos, decidiu pela cassação dos quatro vereadores do Republicanos no município: Vilson Teixeira Gonçalves; Luiz Orione Mereguette; Erivelton Ferrarini, o Chibiu; e Gean Marciel França.

O motivo foi o suposto uso de uma candidata laranja para cumprir a cota de 30% de mulheres estipulada pela Justiça Eleitoral, na eleição do ano passado. Os votos de todos os candidatos do partido que buscavam vaga na Câmara também foram anulados.

“Concluo que a candidata foi colocada, de forma proposital, na lista de candidatos do partido Republicanos, apenas para cumprir a regra de cota de gênero, levando-se em conta os indícios, que demonstram a incompatibilidade de seus atos, com a vontade de participar, ativamente, da campanha eleitoral”, traz parte da sentença.

O primeiro e mais importante indício, segundo o juiz eleitoral, teria sido a ausência de votos em favor da suposta candidata. Nem ela mesmo e o seu companheiro teriam votado nela.

O segundo indício apontado pelo magistrado foi a doação recebida para sua campanha: R$ 75.

O magistrado também constatou a total ausência de propaganda dos atos de campanha da suposta candidata em suas redes sociais, onde não era possível saber nem mesmo seu número na disputa.

A decisão do juiz, porém, não afasta ainda os parlamentares do mandato. Isso só ocorre após serem esgotados todos os recursos.

Um dos vereadores, que pediu para não ser identificado, disse que respeita a decisão, porém, não concorda por não haver, segundo ele, irregularidades.

O parlamentar afirmou que ele e os colegas irão recorrer da decisão no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-ES). A reportagem entrou em contato com os demais vereadores e o presidente do Republicanos de Rio Bananal, mas os mesmos não se manifestaram.


Leia mais

Leia também