Jornada científica da Embrapa discute futuro do agronegócio

Jornada científica da Embrapa discute futuro do agronegócio

Jornada ocorre de forma virtual e começa dia 25 de novembro. Foto: Banco de imagens

A programação da VI Jornada Científica da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) Meio-Norte este ano visa a debater o futuro do agronegócio brasileiro pós-covid. De 25 a 27 de novembro, o evento, que será 100% virtual, traz de volta a perspectiva de sucesso para produtores e futuros cientistas.

Na abertura, o pesquisador Cleber Oliveira Soares mostrará os novos caminhos com a palestra “Impactos da Covid-19 – Desafios e perspectivas para o Agro”. No dia 26, ocorrerá a primeira mesa redonda com o tema “O Melhorista do Futuro”, além de três palestras sobre melhoramento genético animal, da soja e macieira.

Na sexta-feira (27), último dia da jornada científica, o tema da mesa redonda aponta diretamente para a qualificação dos técnicos no mercado com o tema “O perfil profissional que a agricultura brasileira procura”.

Nos dois primeiros dias, sempre após as palestras, será feita a apresentação de trabalhos de iniciação científica. A Embrapa lembra que o prazo final para as inscrições dos trabalhos foi estendido para esta quinta-feira (5).

Confira a programação completa aqui

As inscrições para o evento são abertas para o público em geral e podem ser feitas pelo endereço www.embrapa.br/meio-norte/jornada20. Os participantes terão direito a certificado de participação.

Com informações da Embrapa

Leia mais

Aberta seleção para doutorado-sanduíche no exterior

Itanna Fernandes conviveu com pessoas de vários lugares do mundo Foto: Capes Está aberto o processo seletivo para o Programa Doutorado-Sanduíche no Exterior (PDSE) oferecido...

Polícia Federal prende empresário em operação contra comércio ilegal de armas no Espírito Santo

  A Polícia Federal prendeu um empresário de 66 anos em uma operação contra o comércio ilegal de armas realizada na manhã desta segunda-feira (23)...

Repasses para mitigar efeitos da pandemia ainda são insuficientes, afirmam entidades representativas de municípios

O Programa Federativo de Enfrentamento ao Coronavírus, instituído pela Lei Complementar 173/2020, prevê um repasse de R$ 60 bilhões para repartir entre estados, municípios...

Leia também