Jogo entre Desportiva e Nova Venécia termina em tumulto nas arquibancadas

Compartilhe

A partida de ida das quartas de final do Campeonato Capixaba 2022 entre Desportiva Ferroviária e Nova Venécia terminou em confusão nas arquibancadas. Para conter o clima de provocação entre as torcidas, a Polícia Militar usou de bombas de fumaça, ameaça de tiros de bala de borracha e muita correria. As informações são do Globo Esporte.

Torcedores de Desportiva e Nova Venécia compareceram em peso na partida que terminou em vitória do Leão do Norte pelo placar de 2 a 0. Separados apenas por uma grade, fãs das duas equipes começaram a se provocar ainda na primeira etapa. Mas, após o apito final, o conflito ficou marcado pela ação da Polícia Militar que, segundo relatos, fez uso de “força excessiva” em uma área que tinha a presença de famílias, crianças, idosos e profissionais da imprensa.

Policiais Militares posicionados próximos a arquibancada usaram bombas de fumaça para que o tumulto diminuísse e ameaçaram acertar os torcedores com tiros de bala de borracha. Profissionais da imprensa foram afetados mesmo dentro das cabines de transmissão e idosos e pais com crianças tentaram se proteger da confusão.

Durante o acontecimento, muito irritados, torcedores, jogadores e funcionários da Desportiva contestaram as medidas adotadas pela polícia. Na sequência do tumulto, o goleiro Felipe se direcionou aos militares, antes de seguir para o vestiário. Enquanto a PM buscava intimidar os torcedores, o ídolo da Desportiva criticou a ação dos policiais.

– Eu não sei como é a preparação de um policial, mas acredito que usaram força exagerada em um momento que havia apenas desespero por conta do gás que eles mesmos jogaram. Não estou aqui pra falar o que é certo ou errado, mas acho que existem momentos que um policial também tem que ter sensibilidade e entender o momento pra cada coisa. Naquele momento não era necessário aquela atitude deles, tem que existir um preparo pra lidar com cidadão de bem. As pessoas só queriam se refugiar do tumulto e do gás de pimenta – declarou ao ge.

“Ali eu estava revoltado com a ação deles no momento porque tinha mulheres e crianças chorando e passando mal por conta do gás. Não havia nenhuma ameaça e eles mesmo assim atiraram e jogaram mais gás. Eu falei que não tinha nenhum bandido ali e que as pessoas que estavam ali eram cidadãos de bem.”

Informações da Polícia Militar confirmam que a confusão ocorreu entre membros das torcidas de Nova Venécia e Desportiva Ferroviária. Em nota, a assessoria de imprensa da Polícia Militar do Estado do Espírito Santo (PMES) explica que houve agressão física entre os torcedores após o apito final e que a “atuação da PM foi encerrada sem notícias de feridos no local”.

No entanto, o esclarecimento indica ter sido usado somente granada de fumaça, o que converge com os relatos de quem acompanhava a partida no Engenheiro Araripe.

“Na noite desse domingo (03), policiais militares da Força Tática do 4º Batalhão e 17ª Companhia Independente foram acionados para dar apoio a equipes que realizavam o policiamento em um estádio no bairro Jardim América, em Cariacica, onde ocorria uma partida de futebol. De acordo com informações do Centro de Operações, no local tinha acontecido um confronto entre as torcidas rivais, não sendo possível controlar o conflito somente com os militares que estavam presentes. Quando as equipe chegaram ao local as torcidas rivais foram isoladas, por meio de um cordão policial. Uma tela com grade ao fundo, com aproximadamente 2,5 metros, também faziam a separação das torcidas. Próximo ao final da partida, alguns indivíduos de uma torcida se aproximaram do cordão de isolamento, que os separava dos torcedores adversários, e passaram a agredir verbalmente as pessoas. Eles foram advertidos reiteradamente para que se afastassem da área de isolamento, porém pegaram latas de cerveja e lançaram sobre a grade de forma a atingir os torcedores rivais. Na preservação da ordem pública e na integridade das pessoas que participavam do evento esportivo, foi necessário o uso de granada com o intuito de dispersar os indivíduos, assim como evitar que outros já se deslocavam pela arquibancada com o objetivo de invadir a área adversária. Foi iniciada a dispersão de turba, porém os indivíduos lançaram objetos contra os militares, que para cessar a injusta agressão, novamente, utilizaram granada. A atuação da PM foi encerrada sem notícias de feridos no local.”

Nova Venécia x Desportiva Ferroviária, pelo jogo de ida das quartas de final do Campeonato Capixaba 2022 — Foto: Samuel Gomes/NVFC

Nova Venécia x Desportiva Ferroviária, pelo jogo de ida das quartas de final do Campeonato Capixaba 2022 — Foto: Samuel Gomes/NVFC

Para a partida, ao todo, foram 665 pessoas presentes no Engenheiro Araripe no domingo, sendo 565 pagantes (renda: R$9.225,00). As duas equipes voltam a se enfrentar no domingo, no Zenor Pedrosa.

Procurada, a Desportiva Ferroviária informou ao ge que está apurando os fatos e que vai se manifestar via redes sociais. A matéria será atualizada assim que a reportagem tiver uma resposta.

Após a festa nas arquibancadas e o fim de jogo frustrante, com o risco de ficar com calendário incompleto em 2023, um torcedor da equipe grená, que não estava na discussão e tentou se afastar, relatou sobre o ocorrido.

– Isso aconteceu mais para o final do jogo. Começou aquela provocação entre torcidas do Nova Venécia e da Desportiva e eu acho que, para não ter um confronto físico entre as torcidas, eu não sei se rolou copo de lá e copo de cá, a PM já entrou em ação para evitar algo pior. Até aí tudo bem. O problema é o método que eles utilizam. Você jogar essas bombas em um lugar onde não tem muitas saídas de emergência, onde tem escada, onde tem idosos e crianças fica complicado. Acho que é perigoso. Mas eu acho que é mais isso: para evitar um confronto pela provocação das torcidas. E, pelo vento, acabou atacando a torcida da Desportiva – declarou um torcedor, que pediu para não ser identificado, em entrevista ao ge.

Desportiva Ferroviária x Nova Venécia, ida quartas de final Campeonato Capixaba 2022 — Foto: Samuel Gomes/NVFC

Desportiva Ferroviária x Nova Venécia, ida quartas de final Campeonato Capixaba 2022 — Foto: Samuel Gomes/NVFC

 

Leia também

Tandara, do vôlei, é condenada a quatro anos de suspensão por doping

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A jogadora de vôlei Tandara Caixeta, 33, foi condenada a quatro anos de...

Tentando embalar no Brasileiro, Fluminense visita o Fortaleza

O Fluminense visita o Fortaleza, a partir das 16h (horário de Brasília) deste domingo (22) no estádio do...

Botafogo arranca empate com o América-MG no Independência

Com um gol de Erison aos 40 minutos do segundo tempo, o Botafogo arrancou um empate de 1...

Barra de São Francisco goleia Água Doce do Norte e avança para a próxima fase da Copa Sesport

  Jogando no estádio municipal Joaquim Alves de Souza, na tarde deste sábado, 21, a Seleção de Barra de...

Vila Pavão recebe do Governo Estadual trator cortador de grama e academia popular

  O município recebeu do Governo do ES, por meio da...

Bruno Soares sobra na estreia de duplas do Torneio de Roland Garros

O mineiro Bruno Soares avançou à segunda rodada de duplas do Torneio de Tênis de Roland Garros, em...

Defesa Civil Nacional alerta para chuvas intensas no litoral do Nordeste e reforça medidas de prevenção para a população

O Governo Federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), realizou, na quinta-feira (26/05), coletiva de imprensa...