Cidade capixaba inicia distribuição de kits cloroquina para pacientes com Covid-19

A partir desta segunda-feira (8), moradores de Itapemirim,  Litoral Sul do Estado, que testarem positivo para a Covid-19, vão receber um kit de medicamento contendo Azitromicina, Ivermectina, Dipirona e Cloroquina.

A decisão do município vai contra a orientação da Secretaria de Saúde do Estado (Sesa) – que suspendeu o uso da Cloroquina após pacientes apresentarem problemas cardíacos, entre outras complicações – Além disso, o kit só poderá ser retirado com prescrição médica.

Nas redes sociais, o prefeito da cidade, Thiago Peçanha, criticou a oposição que vem reprovando a decisão de distribuir a medicação.

“Iniciar a semana na certeza que tomamos a atitude certa é gratificante. Deus tem me sustentado todo este tempo e tenho certeza do cuidado Dele para com Itapemirim. A oposição está me criticando por facilitar o acesso da população a algumas medicações, que já vem sendo usada em vários hospitais particulares contra o coronavírus. Deixem o povo de Itapemirim ter acesso ao tratamento, covardes! Enfrentarei vocês e quem está por trás de vocês para cuidar do povo de Itapemirim”, publicou.

Itapemirim teve 217 moradores que testaram positivo para a doença, 52 já curados, 138 seguem em isolamento domiciliar, 18 internados e nove óbitos em decorrência da Covid-19.

Leia mais

Leia também