Internos e internas concluem curso Orientação ao Mundo do Trabalho • SiteBarra

Internos e internas concluem curso Orientação ao Mundo do Trabalho

Internos e internas da Penitenciária de Segurança Média 2 (PSME2), unidade prisional exclusiva e de referência à população LGBTI+ (lésbicas, gays, bissexuais, travestis, transexuais e intersexual) no Espírito Santo, concluíram o curso Orientação ao Mundo do Trabalho, ofertado em parceria com a Secretaria de Inovação e Desenvolvimento (Sectides), por meio do Qualificar ES.

Com carga horária de 42 horas, o curso tratou de temas como comunicação e expressão, postura profissional, marketing pessoal, empreendedorismo e direitos trabalhistas. Este é o último curso de qualificação profissional aplicado no sistema prisional pela Secretaria da Justiça (Sejus), em 2021. Ao todo, 752 vagas de cursos para privados de liberdade foram ofertadas ao longo do ano.

O diretor da unidade prisional, Dantas Campostrini, destacou que esta foi uma grande oportunidade para as 12 internas e internos participantes. “O curso foi muito bem aceito pelos participantes. Essa é uma maneira de prepará-los para o mundo do trabalho. Quanto mais conhecimento, qualificação e capacitação forem ofertados, mais chances eles terão de mudar de vida”, ressaltou.

A aluna Rebeca participou do curso e disse que as aulas de ética foram as que mais lhe chamaram atenção. “Na semana que o professor tratou de ética, passei dias sem pensar em outra coisa, na importância da ética nas relações de trabalho e na nossa vida. Passei a avaliar minhas atitudes e falas, e também a reconhecer que poderia ter sido mais ética em diversas situações. Foi um momento de muito aprendizado”, acrescentou.

O Qualificar ES

Com foco no empreendedorismo, na empregabilidade e inovação, o Governo do Espírito Santo, por meio da Secretaria de Inovação e Desenvolvimento (Sectides), oferta cursos gratuitos nas mais diversas áreas, contribuindo para a formação profissional de milhares de cidadãos e de internos no sistema prisional. Dessa forma, o programa contribui para a qualificação profissional, com foco no empreendedorismo, na prevenção da criminalidade, promoção da autoestima e na possibilidade para a inserção no mundo do trabalho.