Instrução normativa sobre produção integrada de folhosas entra em vigor em fevereiro

Entra em vigor, a partir de 1º de fevereiro, uma instrução normativa do Ministério da Agricultura com normas técnicas para produção integrada de folhosas, inflorescência e condimentais. 

Segundo a pasta, as diretrizes têm o objetivo de promover a produção sustentável de alimentos, diminuição do custo de produção, evitando o uso desnecessário de insumos e com a aplicação mais eficiente de recursos naturais. 

Com exportações em alta, Brasil não corre risco de desabastecimento de carnes, garantem especialistas

O documento traz normas para 32 espécies, entre elas acelga, agrião, alface e brócolis. A produção integrada envolve a utilização de alta tecnologia, o que permite o monitoramento dos processos, o manejo integrado de pragas e a rastreabilidade de toda a cadeia produtiva.

Foto: Ademir dos Anjos/Governo de Tocantins

Leia mais

Leia também